DeAmazônia

MENU
Atualizado em 11/01/2019

Garantido finaliza projeto macro 'Nós, O Povo' para o Festival 2019

O Boi já iniciou o ordenamento dos galpões. Com isso, o bumbá se estrutura para o início dos trabalhos logo após o carnaval

Garantido finaliza projeto macro 'Nós, O Povo' para o Festival 2019 Reunião com os membros da Comissão de Artes do Garantido. Foto: divulgação

DEAMAZÔNIA PARINTINS, AM - A Comissão de Artes do Boi Garantido finalizou, nesta quinta-feira (11), o projeto macro "Nós, O Povo". O trabalho dá fundamento teórico a toda a apresentação do Boi do Povão na arena do Bumbódromo de Parintins, em 2019. "Em resumo, já temos dimensão de todos os momentos da apresentação do nosso Boi em busca do 32º título do Festival. É um projeto bem resolvido e fundamentado para ser analisado pelos jurados e pelo torcedor. A partir de agora partimos para o detalhamento técnico", comemorou Junior de Souza, coordenador artístico da Comissão de Artes.

 

O Garantido está desde o mês de setembro cumprindo um cronograma de trabalho que só encerra no dia 01 de julho, com a vitória no Festival, afirmou o presidente Fábio Cardoso. "Estamos muito felizes pelo andamento dos trabalhos. Conseguimos reunir a Comissão de forma que hoje fechamos o projeto macro deste tema que sem dúvida será vencedor. Vamos anunciar muito em breve outras medidas fundamentais neste processo de fortalecimento", garantiu.

 

Para o membro da Comissão de Artes, Allan Rodrigues, o projeto 2019 do Garantido é ousado, audacioso, emocionante e com a cara do povo. Disse que cada área do espetáculo de arena tem na Comissão um representante. "Estamos confiantes. Vamos executar um espetáculo que trará o título para a Baixa do São José", avaliou.

 

Galpões

Durante a semana, o Boi do Povão iniciou ainda o ordenamento dos galpões. Com isso, o Bumbá se estrutura para o início dos trabalhos logo após o carnaval. O trabalho também faz parte do cronograma estabelecido em conjunto pela Comissão de Artes e Diretoria.

Sobe Catracas

GEORGE LINS, médico amazonense

Urologista é o primeiro do Amazonas a receber certificado internacional em cirurgia robótica, em Bogotá, Colômbia

Desce Catracas

WILSON LEITE, presidente da Câmara de Canaã (PA)

Foi denunciado pelo MP/Pará por suposta contratação de 'funcionários fantasmas' na área da saúde