DeAmazônia

MENU
Atualizado em 08/01/2019

Número de ataques no CE sobe para 153 após mais ônibus serem queimados

Dois deles foram registrados em Fortaleza e o restante em Maranguape, na Região Metropolitana da capital

Número de ataques no CE sobe para 153 após mais ônibus serem queimados Onda de ataques ainda não foi contida apóes a chegada da Força Nacional. Foto: reprodução

onda de ataques no Ceará, mesmo com a chegada da Força Nacional, no sábado (5), não foi estancada e continua trazendo prejuízo e medo à população. De ontem (7) - sexto dia de ações criminosas - para hoje (8), mais quatro ônibus foram incendiados em três cidades cearenses. Dois deles foram registrados em Fortaleza e o restante em Maranguape e Aracati, na Região Metropolitana da capital. Em todo o estado, já houve 153 registros de atos violentos. 

 
 

Na noite dessa segunda-feira, dois coletivos que estavam na Grande Messejana, em Fortaleza, ficaram em chamas. O primeiro caso aconteceu no bairro Pedras, às 21h. Já o segundo, no Parque Itamary, uma hora depois. Não houve feridos. Em Maranguape, um micro-ônibus também foi incendiado. Os suspeitos fugiram.

 

Já em Aracati, um ônibus também foi incendiado próximo à rodoviária do município, na noite dessa segunda, por volta das 23h. O veículo ficou destruído.

 

Recolhimento de transportes

As empresas de transporte urbano foram orientada a recolher todos os coletivos durante a madrugada desta terça-feira (8). O Sindiônibus havia informado na noite de ontem que a frota de ônibus de Fortaleza vai circular com 100% dos veículos desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira (8). // NOTÍCIAS AO MINUTO

Sobe Catracas

NÉLIO AGUIAR, prefeito de Santarém

Prestigiado com Hélder Barbalho, governador transferiu sede do Governo do Pará, por três  dias, para Santarém e município recebeu 29 prefeitos

Desce Catracas

NATHAN MACENA, prefeito do Careiro Castanho

MPF notificou a Prefeitura por falta de aparelhos de comunicação em escolas e UBSs do município