DeAmazônia

MENU
Atualizado em 06/12/2018

Cetam fecha 2018 com mais de 196 mil vagas ofertadas no Amazonas

O número é mais que o dobro do atendimento realizado em 2017

Cetam fecha 2018 com mais de 196 mil vagas ofertadas no Amazonas Foram 5.453 turmas em cursos de formação técnica, inclusão digital e qualificação profissional. (Foto: Divulgação)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) fecha o ano de 2018 com uma importante marca para a educação profissional pública do Estado. São 196.569 vagas ofertadas em cursos de educação profissional, mais que o dobro do atendimento realizado em 2017 e a maior oferta em 15 anos de funcionamento do Cetam.

 

Foram 5.453 turmas em cursos de formação técnica, inclusão digital e qualificação profissional. As atividades estão em fase de conclusão, com encerramento de cursos em unidades, centros e escolas da capital e do interior.

 

Para o diretor-presidente do Cetam, José Augusto de Melo Neto, a marca é fruto da aposta do Cetam em políticas educacionais convergentes ao desenvolvimento do Amazonas. “Esse é um resultado do alinhamento do trabalho do Cetam com as demandas da população amazonense e o foco na empregabilidade. Destacamos o elevado índice de efetivação da matrícula nos cursos, que chegou a 93%, e o gasto com qualidade, atendendo mais pessoas, porém com redução no valor per capita aluno/curso. O Cetam termina 2018 com superávit”, avaliou.

 

Uma das novidades foi a criação de novos cursos do Cetam, para atender melhor a demanda de trabalho, entre os quais estão: Técnico em Mecatrônica, com ênfase na Indústria 4.0, e Especialização Técnica em Enfermagem Oncológica. Ao todo, 391 cursos fazem parte do novo catálogo de cursos do Cetam.

 

Em 2018, o Cetam também fortaleceu as políticas inclusivas para grupos sociais minoritários ou em situação de vulnerabilidade. Nesse sentido, foram ampliados os atendimentos a indígenas, Pessoas com Deficiência (PcDs), presos ou egressos do Sistema Prisional e outros.

 

Parcerias

Neste ano de 2018, foram mais de 180 parcerias firmadas e mantidas pelo Cetam, incluindo acordos com empresas, organizações governamentais e instituições sem fins lucrativos. Um dos destaques é a Aliança para a Bioeconomia (Abio), composta pelo Cetam e formada, também, pela Fundação Amazonas Sustentável (Fas), Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Instituto Federal do Amazonas (Ifam), Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), entre outras instituições.

 

Interior

Em 2018, o Cetam também consolidou presença 100% dos municípios do Estado do Amazonas, com a inclusão de Careiro da Várzea. Das mais de 196 mil vagas ofertadas, 78.569 foram para o interior do Estado. As atividades estão sendo finalizadas em cursos de formação técnica, além de projetos como Cetam Digital, com cursos de informática, e Oportunidade e Renda, com cursos diversos de qualificação profissional.

Sobe Catracas

SIDNEY COELHO, ex-presidente da CGL

TCE aprovou as contas dele referentes a 2017, quando esteve à frente da Comissão Geral de Licitação (CGL) no Amazonas

Desce Catracas

LUIZ CASTRO, secretário de Educação do AM

Fez dispensa de licitação de R$ 32 milhões da merenda escolar e presidente do TCE mandou cancelar certame