DeAmazônia

MENU
Atualizado em 21/11/2018

ARTIGO | Black 'fraude' em Manaus?

Luis Albert, advogado | DIREITO DO CONSUMIDOR

ARTIGO | Black 'fraude' em Manaus? Luis Albert, advogado.

Não caia na Fraude! Preste atenção se o preço realmente é vantajoso, se baixou mesmo ou é propaganda enganosa;

 

Não existe vantagem demasiada. Você acha que um celular que custa R$ 2.000,00 normalmente pode ser vendido por R$ 500,00? A resposta é não. Então a chance de ser “furada” é muito grande. Se for uma grande empresa grande e conhecida, ainda existe a possibilidade de requerer o cumprimento da oferta na Justiça.

 

Agora ser for empresa Não conhecida ou reconhecida, a chance de ser golpe é gigante!

 

Então o cliente me diz. Eu processo quem me enganar! Então eu respondo, processar quem? Ela existe de verdade? Essa empresa vai ter dinheiro para pagar uma condenação?

 

Ganhar é uma coisa, agora receber é outra... Empresas que são criadas para enganar, então mesmo tendo CNPJ ou endereço, é tudo “FAKE”, a Internet é o principal meio destes marginais;

 

Em Manaus essa realidade não é diferente, infelizmente, então cuidado, o barato pode sair caro demais.

 

Lembro que os Direitos do Consumidores não mudam ou são diminuídos neste período. Caso você seja enganado, maltratado, se comprove e exija seus direitos.

 

E não esqueça, consulte sempre um Advogado!

Sobe Catracas

SIDNEY COELHO, ex-presidente da CGL

TCE aprovou as contas dele referentes a 2017, quando esteve à frente da Comissão Geral de Licitação (CGL) no Amazonas

Desce Catracas

LUIZ CASTRO, secretário de Educação do AM

Fez dispensa de licitação de R$ 32 milhões da merenda escolar e presidente do TCE mandou cancelar certame