DeAmazônia

MENU
Atualizado em 08/11/2018

Manaus Ambiental beneficia usuários com 50% de desconto na tarifa de água

A adesão ao programa pode ser feita em um dos atendimentos presenciais da empresa

Manaus Ambiental beneficia usuários com 50% de desconto na tarifa de água O usuário precisa está inscrito no Programa Bolsa Família do Governo Federal. (Foto: Divulgação)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A Manaus Ambiental, que desde junho está sob a nova gestão da Aegea, oferece benefício de 50% de desconto em tarifas de água para usuários de baixa renda. Quem desejar solicitar o benefício precisa apenas comparecer em qualquer ponto de atendimento ao cliente nos PAC’s e lojas físicas da concessionária.

 

A adesão ao programa é simples e pode ser feita em um dos atendimentos presenciais da empresa, com a apresentação do cartão Bolsa Família, documentos pessoais e do imóvel. Além disso, é possível fazer o cadastro com equipes do projeto itinerante “Vem Com a Gente” nos bairros.

 

Ao se cadastrar, o cliente obtém 50% de desconto no pagamento da tarifa, pois o benefício recai sobre a primeira faixa de consumo, que automaticamente é estendida de 0 a 10 metros cúbicos para 0 a 15 metros cúbicos por mês. Isso representa 15 caixas de mil litros de água. Os dados estão à disposição de todos os usuários na própria fatura mensal, em cumprimento à Lei nº 2.001, de 26 de junho de 2015, Art. 1º. 

 

Para se cadastrar, o cliente deve atender todos os critérios estipulados no Decreto Municipal, conforme estabelecido no protocolo de intenções do Programa Águas para Manaus (Proama). As regiões com a maior quantidade de clientes cadastrados estão localizadas em bairros das zonas Norte e Leste.

 

Para quem não tem ligação de água e quer aderir ao programa, é garantida a isenção do valor do serviço da primeira ligação domiciliar, sendo permitida, apenas uma ligação por usuário. Contudo, o consumidor pode ficar sem o benefício se perder o Bolsa Família ou ficar inadimplente após três faturas vencidas, ou cuja ligação apresentar violação, adulteração ou fraude.

 

Neste caso, o retorno a tarifa social só poderá ser feito a partir de sua regularização junto à concessionária. “Ao realizar a orientação de consumo aos clientes, a Manaus Ambiental trabalha para reduzir o desperdício, promover o uso adequado às necessidades da família, evitar contas elevadas e aumentar a capacidade de pagamento das contas”, destaca a supervisora de Gestão de Parcerias da Manaus Ambiental, Geaneide Vilhena.


Clientes que podem se beneficiar
 

São beneficiários os usuários da classe residencial cujo titular da ligação de água, proprietário, possuidor legítimo ou inquilino, esteja inscrito no Programa Bolsa Família do Governo Federal. O cliente deve, ainda, possuir ligação de água hidrometrada, sem violação, adulteração ou fraude.


Como é feito o cálculo

O benefício da Tarifa Social recai sobre a primeira faixa de consumo, que será estendida de 0 (zero) a 10 (dez) metros cúbicos/mês para 0 (zero) a 15 (quinze) metros cúbicos/mês, com desconto de 50% (cinquenta por cento).


Documentos necessários

Para se cadastrar e receber o benefício da Tarifa Social é preciso apresentar o Número de Inscrição no Programa Bolsa Família (NIS), documentos que comprovem a titularidade da ligação de água, RG, CPF e comprovante de residência.


Vem Com A Gente

O projeto “Vem com a gente” visa fortalecer a relação com o cliente, promovendo maior agilidade e facilidade no acesso aos serviços, através do atendimento itinerante, realizado nos bairros, que disponibiliza atualização de dados, orientações para o consumo e oportunidades de negociação, além de cadastro na Tarifa Social – benefício que concede 50% de desconto na conta de água e esgoto.

Sobe Catracas

GEDEÃO GRANJEIRO, pastor

Presidente da Assembleia de Deus Tradicional do AM, recebeu Medalha Ruy Araújo, na Aleam, pelo trabalho à frente da Igreja 

Sobe Catracas

ROBERTO GESTA, desportista

Recebeu o Título de Doutor Honoris Causa, concedido pela UFAM, em homenagem a carreira dele no esporte

Desce Catracas

DAVID BEMERGUY, prefeito de Benjamin Constant

TJAM determinou que Prefeitura dê medicamentos e passagens para criança doente renal, após ele alegar que decisão causaria desequilíbrio às contas públicas

Desce Catracas

EVALDO GOMES, ex-prefeito de Lábrea

MP-AM investiga ele por suposto ato de improbidade, por deixar de atender questionamentos do MPC-AM sobre dívidas da Prefeitura

BASTIDORES