DeAmazônia

MENU
Atualizado em 17/08/2018

TRE-AM instala Comissão de Auditoria da Votação Paralela para as Eleições 2018

A votação paralela contará com cédulas e urnas eletrônicas, da mesma forma que o pleito oficial

TRE-AM instala Comissão de Auditoria da Votação Paralela para as Eleições 2018 A a Comissão de Votação Paralela foi instalada na sala de reuniões do gabinete da presidência. Foto: Divulgação

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) instalou, nesta quinta-feira (16), na Sala de Reuniões do Gabinete da Presidência, a Comissão de Votação Paralela.

 

Durante o encontro, foi apresentado o cronograma de atividades da comissão. A votação paralela acontecerá na capital e no interior. A metodologia contará com cédulas e urnas eletrônicas, da mesma forma que o pleito oficial. A ação visa validar os procedimentos eleitorais e seus sistemas que serão usados nas Eleições Gerais 2018.

 

Na votação paralela, que ocorrerá no 1º turno, no dia 7 de outubro, e no dia 28 do mesmo mês, caso haja 2º turno, os votos assinalados na cédula de votação e, posteriormente depositados em urna de lona, também são digitados nas urnas eletrônicas.

 

Os dois processos de votação, além de acompanhados por servidores da Justiça Eleitoral, advogados e representantes dos partidos, são filmados. Ao final, contrapõem-se os resultados. Sendo idênticos, estará comprovado o correto funcionamento da urna eletrônica.

 

Neste ano, além do sorteio das seções eleitorais para auditoria em ambiente controlado - votação paralela - também serão sorteadas seções eleitorais para verificação da autenticidade e integridade dos sistemas, verificadas in loco, às 7h, ou seja, antes da impressão da zerésima e do início da votação.


A comissão

A comissão é composta pelo membro da Corte, o Juiz José Fernandes Júnior e pelos servidores Marissie de Oliveira Nina, Márcia Cristina de Oliveira Negreiros, Guilherme de Brito Carneiro, Cásssia Maria das Chagas Mercklein, Éric Sales da Silva e Marilza Moreira da Silva.

 

Sobe Catracas

FÁBIO CAVALCANTI, jogador de dama

Amazonense foi destaque em Campeonato Nacional de Jogo de Dama e conquistou medalha de bronze na competição, em Maceió

Desce Catracas

WLADMIR COSTA, ex-deputado federal pelo Pará

Justiça Federal condenou ele e o irmão, Mário Sérgio Costa, superintendente do Incra, a perda dos direitos políticos, por usarem órgão para promoção pessoal