DeAmazônia

MENU
Atualizado em 20/06/2018

Prova para seleção de estágio em direito do MP será no Colégio Militar da Compensa

Prova será realizada neste domingo (24)

Prova para seleção de estágio em direito do MP será no Colégio Militar da Compensa Escola Estadual Pedro Câmara (CMPM VIII), em Manaus. Foto: Reprodução

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional do Ministério Público do Estado do Amazonas informa que a prova do exame de seleção para estagiários de direito do MP-AM será realizada no domingo, 24, às 8h, na Escola Estadual Pedro Câmara (CMPM VIII), localizada na rua T-8, s/n, bairro Compensa 2, próximo ao antigo Batalhão da PM, zona Oeste de Manaus.

 

O gabarito ficará disponível no endereço eletrônico <www.mpam.mp.br>, no dia 25/06/2018. As avaliações e os respectivos cartões de respostas estarão disponíveis na sede da Procuradoria-Geral de Justiça a partir do dia 26 de junho. Os recursos dirigidos à Comissão deverão ser interpostos até o dia 28, no Protocolo Geral da Procuradoria-Geral de Justiça, por meio de petição digitada ou datilografada, sendo necessário um recurso para cada questão recorrida.

 

O resultado do julgamento dos recursos será afixado no quadro de avisos da Procuradoria-Geral de Justiça até o dia 5 de julho de 2018. E o resultado final da seleção será divulgado no dia 11 de julho de 2018, na sede da Procuradoria-Geral de Justiça e publicado no Diário Eletrônico do Ministério Público do Estado do Amazonas.

Sobe Catracas

JUAN LOPES, produtor audio-visual

Jovem de 18 anos realiza a primeira exposição de cinco curtas-metragens, feitos pelo celular, produzidos por ele entre 2016-2018

Sobe Catracas

ABRAHAM PEIXOTO, juiz eleitoral

Foi eleito vice-presidente do Colégio de Dirigentes das Escolas Judiciárias Eleitorais (CODEJE) para o biênio 2019-2021

Desce Catracas

CHICO DOIDO, prefeito de Iranduba

Servidora acusa ele de não repassar ao Instituto de Precidência Municipal R$ 4,2 milhões recolhidos dos funcionários desde 2017 

Desce Catracas

ROMEIRO MENDONÇA, prefeito de Presidente Figueiredo

Não paga empresa que coleta lixo no município há quatro meses e enfrentou greve dos garis

BASTIDORES