DeAmazônia

MENU
Atualizado em 19/06/2018

Prefeito de Itacoatiara é vaiado e xingado em chegada ao município

População está revoltada com o caos que se encontra a cidade

Divulgação

DEAMAZÔNIA ITACOATIARA, AM - O prefeito do município de Itacoatiara (a 170 quilômetros de Manaus), Antônio Peixoto (PT), foi vaiado e xingado pela população, neste domingo (17), quando chegava à cidade, de um evento em Urucurituba. O momento foi registrado com vídeo por um dos moradores. Na gravação os itacoatiarenses xingam Peixoto de ‘vagabundo’. Os moradores estariam revoltados com o estado de caos que se encontra Itacoatiara.

 

Os itacoatiarenses repudiaram a atitude do prefeito Antônio Peixoto, que saiu de Itacoatiara para prestigiar o evento ‘Fanfest’ em Urucurituba (a 212 quilômetros de Manaus), em que o prefeito do município Claudenor Sabugo, enfeitou as ruas de verde e amarelo e colocou telão para que os moradores assistissem a jogos da seleção brasileira.

 

Em postagens nas redes sociais, moradores disseram que na Copa de 2014 foi disponibilizado o mesmo espaço em Itacoatiara, para que os jogos fossem assistidos pela população. Mas este ano, nada foi feito pela Prefeitura Municipal.

 

Segundo uma moradora relatou ao Portal DeAmazônia, a cidade se encontra em estado de total abandono. “Foram divulgados os valores que o município recebeu em verbas para saúde e infraestrutura, e nada foi feito. A cidade está cheia de buraco, a saúde um verdadeiro caos”, relatou.

 

Sobe Catracas

JUAN LOPES, produtor audio-visual

Jovem de 18 anos realiza a primeira exposição de cinco curtas-metragens, feitos pelo celular, produzidos por ele entre 2016-2018

Sobe Catracas

ABRAHAM PEIXOTO, juiz eleitoral

Foi eleito vice-presidente do Colégio de Dirigentes das Escolas Judiciárias Eleitorais (CODEJE) para o biênio 2019-2021

Desce Catracas

CHICO DOIDO, prefeito de Iranduba

Servidora acusa ele de não repassar ao Instituto de Precidência Municipal R$ 4,2 milhões recolhidos dos funcionários desde 2017 

Desce Catracas

ROMEIRO MENDONÇA, prefeito de Presidente Figueiredo

Não paga empresa que coleta lixo no município há quatro meses e enfrentou greve dos garis

BASTIDORES