DeAmazônia

MENU
Atualizado em 12/06/2018

Justiça bloqueia R$ 15 milhões de ex-prefeito de Maués, Carlos Góes

O bloqueio do dinheiro de Carlos Góes tenta reverter os prejuízos financeiros, fruto de atos de improbidade administrativa

 Justiça bloqueia R$ 15 milhões de ex-prefeito de Maués, Carlos Góes Padre Carlos Góes (Foto: Reprodução)

A Justiça Federal determinou o bloqueio de R$ 15 milhões do ex-prefeito de Maués, Carlos Góes, o padre, nesta terça-feira (12/6). O bloqueio tenta reverter os prejuízos financeiros, fruto de atos de improbidade administrativa, causados pelo ex-prefeito.

 

Antes de deixar a Prefeitura de Maués, em dezembro de 2016, Carlos Góes recebeu do Ministério da Educação R$ 24 milhões e em 48 horas desapareceu com o dinheiro que deveria ter sido usado para o pagamento de servidores da educação.

 

O resultado é uma dívida que vem sendo cobrada mês a mês da atual gestão municipal de Maués, prejudicando a população. Outros quatro processos por improbidade administrativa e malversação do dinheiro público correm na Justiça contra Carlos Goes.

Sobe Catracas

WILLIAN SARÔA, jogador de futebol

Amazonense meia do Fast, foi convocado para jogar no time Trang FC da Tailândia 

Desce Catracas

IVON RATES, prefeito de Envira/AM

Prefeito recebeu R$ 14 milhões do Estado para asfaltar ruas, não realizou obras e Justiça determinou pavimentação imediata