DeAmazônia

MENU
Atualizado em 09/04/2018

Corpo de bebê de Borba é mandado para São Gabriel da Cachoeira após erro de funerária

Após o erro ser identificado, o caixão da criança voltou para Manaus no domingo (08)

Corpo de bebê de Borba é mandado para São Gabriel da Cachoeira após erro de funerária Funerária São Francisco, no bairro Cachoeirinha, em Manaus.

O corpo da bebê de 1 ano e oito meses, Ana Ester, que deveria ser sepultado no município de Borba (a 150 quilômetros de Manaus), foi mandado por engano para o município de São Gabriel da Cachoeira (a 990 quilômetros de Manaus), de avião. A criança faleceu em Manaus, neste sábado (07). Os familiares descobriram a falha ainda na capital, antes do embarque do corpo, na manhã deste domingo (08), quando abriram o caixão e viram o corpo de outra criança. Os bebês já foram destrocados.

 

Ana Ester estava internada na capital há oito meses, tratando de uma pneumonia, no Instituto de Saúde da Criança do Amazonas (ICAM), na Zona Sul de Manaus, mas não resistiu.

 

Após o erro ser identificado, o caixão de Ana Ester voltou para Manaus ainda no domingo, por volta de 18h e foi para Borba às 7h desta segunda-feira (09), onde será sepultado.

 

O corpo encontrado era de uma criança, não identificada, que seria embarcado para São Gabriel da Cachoeira e já está no município.

 

ERRO DA FUNERÁRIA

A funerária São Francisco, localizada no bairro Cachoeirinha, em Manaus, é a responsável pela troca dos corpos dos bebês. No sábado (07), o corpo de Ana Ester foi encaminhado para a funerária para ser embalsamado, e então aconteceu a troca.

 

O velório estava marcado para às 9h do domingo (08), quando a família identificou o corpo errado.

 

A proprietária Suely Ribeiro disse que o caso é atípico, e que foram tomadas providências imediatas no momento que a falha foi detectada. “Nunca aconteceu nada parecido. O que ocorreu ontem foi uma sucessão de imprevistos que fugiu do nosso controle, mas estamos aqui dando todo apoio à família”, disse a empresária.

 

 

Sobe Catracas

ADRIANE GISELE SÁ, professora da rede municipal de Santarém (PA)

Vencedora do Prêmios 'Professores do Brasil' vai ao Canadá, representar o Pará em evento com demais ganhadores 

Desce Catracas

IVON RATES, prefeito de Envira/AM

Prefeito recebeu R$ 14 milhões do Estado para asfaltar ruas, não realizou obras e Justiça determinou pavimentação imediata