DeAmazônia

MENU
Atualizado em 13/03/2018

Mantega e mais 12 viram réus na Operação Zelotes

O juiz federal Vallisney Oliveira aceitou a denúncia contra o ex-ministro por suposto favorecimento da empresa Cimentos Penha.

Mantega e mais 12 viram réus na Operação Zelotes Ex-ministro da Fazenda Guido Mantega

O ex-ministro da Fazenda Guido Mantega se tornou réu na Operação Zelotes. O juiz federal Vallisney Oliveira aceitou a denúncia contra o ex-ministro por suposto favorecimento da empresa Cimentos Penha.


Além de Mantega, outros 12 denunciados viraram réus.


De acordo com a denúncia do Ministério Público Federal (MPF), a Receita Federal (RF) autuou a empresa Cimentos Penha, do empresário Victor Sandri, por enviar mais de US$ 46 milhões a bancos sediados nos paraísos fiscais das Bahamas e do Uruguai.


Mesmo assim, a empresa recorreu ao Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), em 2007. Na primeira instância, conhecida como Câmara Baixa, foi negado o recurso.


Mas, a partir dessa decisão, uma suposta articulação criminosa teria atuado para garantir o sucesso da empresa nas instâncias superiores.


O êxito da organização criminosa dependia da indicação de nomes para posições estratégicas no Carf.


Segundo a denúncia, o então presidente do Carf, Otacílio Cartaxo, e Guido Mantega teriam patrocinado direta e indiretamente, ao darem respaldo para os nomes indicados pela organização criminosa.


A denúncia traz como provas intensa troca de e-mails entre os integrantes do esquema, com linguagem cifrada sobre a indicação dos nomes para ocuparem os cargos estratégicos do conselho.


A reportagem não conseguiu contato com a defesa do ex-ministro nem com a empresa de cimentos. Otacílio Cartaxo morreu em dezembro e, por isso, a denúncia contra ele não teve andamento.

AGÊNCIA BRASIL

Sobe Catracas

LUPERCINO DE SÁ, desembargador

Foi homenageado pela Aleam com a Medalha da Ordem do Mérito Legislativo

Sobe Catracas

SÉRGIO FONTES, delegado da Polícia Federal

Recebeu diploma de "Cidadão Benemérito" pela Câmara Municipal de Manaus

Desce Catracas

ROMEIRO MENDONÇA, prefeito de Presidente Figueiredo

TJAM pode intervir na Prefeitura até o fim do mês por não pagamento de precatórios de direito trabalhistas à servidores municipais

Desce Catracas

GABRIELE DIAS, cerimonialista

72 alunos de escola pública de Manaus ficaram sem festa de formatura após ela receber dinheiro e não pagar o salão de festas

BASTIDORES