DeAmazônia

MENU
Atualizado em 13/02/2018

Depois de três anos, Carnaboi no Sambódromo agita milhares de foliões

A folia completou 19 anos de tradição na capital amazonense.

Depois de três anos, Carnaboi no Sambódromo agita milhares de foliões Trio elétrico do Boi Garantido com Sebastião Junior e Israel Paulain. Foto: Aguilar Abecassis/divulgação

DEAMAZÔNIA MANAUS - Na noite desta segunda-feira (12/02), o Sambódromo, na zona centro–sul de Manaus, transformou-se em um verdadeiro Bumbodromo, com uma  multidão atrás dos trios elétricos cantando e dançando ao som das toadas dos principais artistas dos bois Caprichoso e Boi Garantido. Após três anos de ausência, essa grande festa voltou para o povo, no Governo Amazonino Mendes, que apostou novamente no evento por meio da ação integrada da Empresa Estadual de Turismo (Amazonastour), Secretaria de Estado de Cultura (SEC), Agencia Amazonense de Desenvolvimento Cultural (AADC) em parceria com a Associação Amazonense dos Cantores de Toadas (AACT).


"Este momento e de muita importância para a cultura amazonense. Fizemos um resgate dessa grande festa, que e a cara do nosso povo, que tem o nosso ritmo próprio e único. O Carnaboi voltou para os braços do povo", ressaltou o vice-governador e secretário estadual de Segurança Pública, Bosco Saraiva, que compareceu ao evento comandando a ação integrada de segurança desenvolvida pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM), que objetivou assegurar que a festa transcorresse sem nenhum tipo de ocorrência de violência.


A folia, que completou 19 anos de tradição, reuniu 25 artistas, em um carnaval diferente, com o ritmo genuinamente amazonense, além das participações especiais da Marajuda de Guerra do Boi Caprichoso e da Batucada Encarnada do Boi Garantido e dos grupos de dança CDC Manaus e Somos um Show.


Apresentações - Os artistas se revezaram nos trios elétricos, os quais percorriam o Sambódromo em 50 minutos, cada um. O primeiro trio, que saiu às 19h da concentração em direção à ferradura, foi comandado pelos levantadores de toadas Robson Jr., Edilson Santana e Patrick Monteiro. Às 20h, veio o segundo trio que saiu da ferradura em direção a concentração, com a Banda Carrapicho e os cantores Carlos Batata e Márcia Siqueira. Na sequência entrou o trio comandado por Fabio Casagrande, Ricardo Lyra e Carlinhos do Boi, que fizeram um show eletrizante balançando a multidão. Em seguida, veio o trio do Canto da mata, com o Prince do Boi e a cantora Iana Yra. 


Os dois momentos mais aguardados da noite foram as apresentações dos cantores Israel Paulain e Sebastião Júnior com a Batucada Encarnada do Boi Garantido e de David Assayag com a Marajuda de Guerra do Boi Caprichoso. Quando os cantores Israel Paulain e Sebastião Junior subiram no trio às 23h, com uma grande queima de fogos das cores vermelha e branca, o publico fez coro com os artistas relembrando as grandes toadas. "Nós estávamos esperando muito por esse momento. Essa iniciativa do Governo do Estado, da SEC e da Amazonastur de trazer o Carnaboi de volta para o Sambódromo foi um presente para nós, cantores de toadas", comentou emocionado o cantor Israel Paulain.


Reconhecimento - À meia-noite, o cantor David Assayag, junto com o cantor Edmundo Oran e a Marujada de Guerra, subiu o trio para levar o público ao delírio com uma queima de fogos que iluminou o céu no Sambódromo. "Este momento para mim está sendo único: trazer o Carnaboi de volta e trazer a emoção, a tradição para o nosso povo. O governador Amazonino Mendes deu um belo presente para o seu povo, trazendo o Carnaboi de volta" comentou David Assayag.


Para quem estava na avenida, foi só felicidade. Para a manauense Daiane Brites, o Carnaboi trouxe a alegria de volta. "Estou adorando ver as pessoas dançando, se divertindo, cantando todas às toadas. O Governo esta de parabéns em trazer essa festa de volta. Nunca vi as pessoas tão felizes e animadas com a sua própria cultura”.


Teve até turista estrangeiro que caiu na folia do Carnaboi no Sambódro

Na noite desta segunda-feira (12/02), o Sambódromo, na zona centro–sul de Manaus, transformou-se em um verdadeiro Bumbodromo, com uma  multidão atrás dos trios elétricos cantando e dançando ao som das toadas dos principais artistas dos bois Caprichoso e Boi Garantido. Após três anos de ausência, essa grande festa voltou para o povo, no Governo Amazonino Mendes, que apostou novamente no evento por meio da ação integrada da Empresa Estadual de Turismo (Amazonastour), Secretaria de Estado de Cultura (SEC), Agencia Amazonense de Desenvolvimento Cultural (AADC) em parceria com a Associação Amazonense dos Cantores de Toadas (AACT).

"Este momento e de muita importância para a cultura amazonense. Fizemos um resgate dessa grande festa, que e a cara do nosso povo, que tem o nosso ritmo próprio e único. O Carnaboi voltou para os braços do povo", ressaltou o vice-governador e secretário estadual de Segurança Pública, Bosco Saraiva, que compareceu ao evento comandando a ação integrada de segurança desenvolvida pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM), que objetivou assegurar que a festa transcorresse sem nenhum tipo de ocorrência de violência.

A folia, que completou 19 anos de tradição, reuniu 25 artistas, em um carnaval diferente, com o ritmo genuinamente amazonense, além das participações especiais da Marajuda de Guerra do Boi Caprichoso e da Batucada Encarnada do Boi Garantido e dos grupos de dança CDC Manaus e Somos um Show.

Apresentações - Os artistas se revezaram nos trios elétricos, os quais percorriam o Sambódromo em 50 minutos, cada um. O primeiro trio, que saiu às 19h da concentração em direção à ferradura, foi comandado pelos levantadores de toadas Robson Jr., Edilson Santana e Patrick Monteiro. Às 20h, veio o segundo trio que saiu da ferradura em direção a concentração, com a Banda Carrapicho e os cantores Carlos Batata e Márcia Siqueira. Na sequência entrou o trio comandado por Fabio Casagrande, Ricardo Lyra e Carlinhos do Boi, que fizeram um show eletrizante balançando a multidão. Em seguida, veio o trio do Canto da mata, com o Prince do Boi e a cantora Iana Yra. 


Os dois momentos mais aguardados da noite foram as apresentações dos cantores Israel Paulain e Sebastião Júnior com a Batucada Encarnada do Boi Garantido e de David Assayag com a Marajuda de Guerra do Boi Caprichoso. Quando os cantores Israel Paulain e Sebastião Junior subiram no trio às 23h, com uma grande queima de fogos das cores vermelha e branca, o publico fez coro com os artistas relembrando as grandes toadas. "Nós estávamos esperando muito por esse momento. Essa iniciativa do Governo do Estado, da SEC e da Amazonastur de trazer o Carnaboi de volta para o Sambódromo foi um presente para nós, cantores de toadas", comentou emocionado o cantor Israel Paulain.


Reconhecimento - À meia-noite, o cantor David Assayag, junto com o cantor Edmundo Oran e a Marujada de Guerra, subiu o trio para levar o público ao delírio com uma queima de fogos que iluminou o céu no Sambódromo. "Este momento para mim está sendo único: trazer o Carnaboi de volta e trazer a emoção, a tradição para o nosso povo. O governador Amazonino Mendes deu um belo presente para o seu povo, trazendo o Carnaboi de volta" comentou David Assayag.


Para quem estava na avenida, foi só felicidade. Para a manauense Daiane Brites, o Carnaboi trouxe a alegria de volta. "Estou adorando ver as pessoas dançando, se divertindo, cantando todas às toadas. O Governo esta de parabéns em trazer essa festa de volta. Nunca vi as pessoas tão felizes e animadas com a sua própria cultura”.


Teve até turista estrangeiro que caiu na folia do Carnaboi no Sambódromo. Para Leonardo Fuck, turista alemão, a cultura amazonense é surpreendente. "Cheguei hoje em Manaus e vim direto para o Sambódromo. Estou encantado com as danças, as coreografias. Nunca vi nada igual", 

 

Sobe Catracas

JOÃO GASPAR RODRIGUES, promotor de Justiça do AM

Palestrou em evento promovido pelo MP do Rio de Janeiro "O MP do terceiro milênio: Desafios para uma Atuação Resolutiva”

Sobe Catracas

ISAAC SILVA, atleta santareno

Com 62 anos, venceu em 1º lugar maratona dos 110 anos da imigração japonesa ao Brasil, nas corridas de 5 km, 800m e 1.500 metros, em SP

Desce Catracas

AMINADAB DE SANTANA, ex-prefeito de Novo Aripuanã

Justiça Federal bloqueou R$ 136 mil em bens dele por não prestação de contas de recursos da educação em 2011 e 2012

Desce Catracas

GEAN BARROS, prefeito de Lábrea

TCE suspendeu contrato de R$ 2,4 milhões da Prefeitura por contratar de maneira irregular empresa para reforma de escola

BASTIDORES