DeAmazônia

MENU
Atualizado em 12/01/2018

Ipaam emite a primeira Licença Ambiental online em tempo recorde

O sistema faz parte do processo de desburocratização do órgão adotada pelo Governo do Estado, a partir de outubro de 2017.

Ipaam emite a primeira Licença Ambiental online em tempo recorde O sistema foi lançado, no dia 6 de dezembro do ano passado - FOTO: Divulgação / Ipaam

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) emitiu, nesta sexta-feira (12/1), a primeira Licença de Operação Ambiental autorizada em tempo recorde por meio do novo sistema online. Lançado, no dia 6 de dezembro do ano passado, pelo governador Amazonino Mendes, o sistema faz parte do processo de desburocratização do órgão adotada pelo Governo do Estado, a partir de outubro de 2017.

 

De acordo com o presidente do Ipaam e secretário estadual do Meio Ambiente (Sema), Marcelo Dutra, o licenciamento foi solicitado no final de dezembro e aprovado em menos de um mês, o que antes, em alguns casos, demorava até três anos para ser concluído. “O novo sistema é transparente, seguro e reduz burocracia. É a prova que o governo precisava dar mais celeridade aos serviços oferecidos pelo Ipaam a quem pretende empreender no Amazonas”, resumiu.

 

Marcelo Dutra informou que a primeira Licença de Operação online autoriza o início do processo de instalação de uma empresa de transporte rodoviário de derivados de petróleo em veículos-tanques, que vai funcionar no bairro Parque das Laranjeiras, zona centro-sul de Manaus. O empreendimento prevê um investimento considerável para o Estado.

 

O proprietário da empresa, Jhonny Maia Ferreira, explicou que a expectativa é de gerar mais de 20 empregos diretos, e aproximadamente 60 indiretos, com a contratação de motoristas e auxiliares, além de investimentos para a instalação do complexo. “A celeridade na emissão de Licença Ambiental nos deu a segurança nos investimentos para a instalação do empreendimento. Ficamos impressionados com a rapidez, porque, um tempo atrás solicitamos a Licença Ambiental para outro empreendimento e tivemos que esperar muito”, disse.

Sobe Catracas

ALVARO CAMPELO, vereador de Manaus

Foi o vereador que registrou em 2017 100% de comparecimento às sessões da Câmara

Sobe Catracas

ROMEIRO MENDONÇA, prefeito de Presidente Figueiredo

Após pressão, recuou e garantiu o aumento salarial dos professores municipais reajustado em julho/2017 pelo Governo Federal

Desce Catracas

ALEXANDRE BIANCHINI, presidente da Manaus Ambiental

São inúmeras as reclamações da má prestação de serviço no fornecimento de água em Manaus

Desce Catracas

ANTONIO PONGÓ, prefeito cassado de Caapiranga

Vice prefeito Moisés Filho denunciou Pongó a polícia por ter sacado R$ 1,8 milhão antes de deixar prefeitura  

BASTIDORES