DeAmazônia

MENU
Atualizado em 12/01/2018

Foliões, que vai homenagear Garantido e Caprichoso, brinca domingo nas ruas de São Luis

Bloco tradicional do Carnaval do Maranhão comemora dia do Caçador no Centro Histórico dia 14

Foliões, que vai homenagear Garantido e Caprichoso, brinca domingo nas ruas de São Luis  Bloco mais tradicional e premiado do Maranhão, Os Foliões canta no carnaval Parintins e os bois-bumbá

 

 

DEAMAZÔNIA SÃO LUIS, MA -O Bloco Os Foliões comemora os 15 anos do Dia do Caçador nesse domingo, 14, com grande baile a fantasia pelas ruas do centro histórico, de São Luis, Maranhão. Batizado pelo saudoso Mestre Walmir (fundador do Bloco), o Dia do Caçador marca anualmente a primeira saída de rua do mais premiado representante do carnaval maranhense. Claro que o bloco saia às ruas há muito mais tempo (tem 42 anos de fundação), mas a partir de 2003 ganhou esse nome, o dia em que o bloco vai à caça de novas emoções, alegrias e folias: o Dia do Caçador.

 

Para comemorar a data, uma vez mais será realizado um grande baile a fantasia a céu aberto, tendo por tema Uma Noite na Amazônia, fazendo alusão ao tema do bloco esse ano, que homenageia a cidade de Parintins e os bois-bumbás Caprichoso e Garantido.

 

A exemplo dos anos anteriores, são esperadas fantasias criativas com bastante humor e irreverência, em contraponto às fantasias de lixo apresentadas Durante o período de carnaval. Não faltarão a tradicional valsa (comemorando os 15 anos do cortejo e da jovem Yara Sousa, componente da agremiação), a batucada típica do samba de rua de São Luís e muitos outros ritmos maranhenses. Haverá prêmios para as fantasias mais criativas e homenagens, como ao carnavalesco Darlan Sousa.

 

O cortejo terá início às 16h, uma vez que o bloco pretende aproveitar o período da tarde para esse evento, pois o objetivo da coordenação é terminar cedo também. A concentração será em frente à sede da entidade, a Casa de Cultura Mestre Walmir. Seguirá pela Rua Cândido Ribeiro (Rua das Crioulas), subindo pelo Largo de São Tiago, prosseguindo pela Rua do Passeio, com destino ao Largo do Codozinho, Praça da Saudade e Madre Deus.

 

O evento conta com o apoio da Sectur, fazendo parte da programação oficial do carnaval 2018. Além do Sindjus-MA, Ceuma, escola Flor do Samba, UFMA, Universidade FM, Associação Maranhense de Blocos Carnavalescos e Rede São Luís de Pontos de Cultura.

 

Ao longo do percurso, o bloco visitará residências e sedes de outras agremiações. Os cantores Jotha Júnior, Ivan Coracinha e Tunay Moura serão acompanhados por intérpretes de outros blocos, numa grande confraternização cultural.

 

O bloco cantará suas músicas próprias e outros sucessos do carnaval maranhense e clássicos do cenário nacional.

 

PREMIAÇÕES EM 2017

O Bloco Os Foliões comemora mais um ano de intensa atividade, com projetos e ações realizados pelo Maranhão através do seu ponto de cultura Bordados e Encantarias, Força e Tradição do Maranhão. Os último trabalho foi montagem do Reisado Folias de Natal (em parceria com o Pastoral Y-Bacanga e Grupo Amigos das Artes, do Anjo da Guarda), na programação natalina de São Luís.

 

A entidade foi premiada em todos os editais municipais e estaduais de que participou. E, em dezembro, foi contemplado com dois prêmios Culturas Populares (MinC) e uma menção do Conselho Nacional de Culturas Populares. Para engrandecer ainda mais o ano festivo, seu co-fundador Waldete Cabeça Branca foi reconhecido como mestre pelo Governo do Estado do Maranhão e pelo MinC. Da mesma forma, seu fundador maior Walmir Moraes Corrêa, uma vez mais foi reconhecido pelo MinC como grande mestre da cultura brasileira (homenagem póstuma).

 

Os Foliões foram convidados, ainda, para integrar o CD da Motsra Onde Canta o Sabiá coordenada pelo SESC Maranhão. A música selecionada é Navegante do Amor, de William Moraes Corrêa, Mestre Waldete Cabeça Branca e do saudoso Chico Poetta.

 

TEMA 2018

Para o carnaval 2018, Os Foliões trazem o tema É Foliões, É Caprichoso, É Garantido. Na Passarela, Vem Bumbar Comigo, do carnavalesco e desenhista Dew Rodrigues,que retorna ao bloco após seis anos. Uma homenagem à cidade de Parintins, em especial os bois-bumbás Garantido e Caprichoso. Na verdade, será a união do bumba-meu-boi do Maranhão ao Boi-Bumbá do Amazonas, sendo que o auto amazonense é originário do folguedo maranhenses. As culturas das ilhas de Upaon-açu (São Luís) e Tupinambarana estarão mais vivas e unidas do que nunca.

 

O repertório 2018 é assinado pelos compositores regionais Godinho, Luzian Filho, Josias Filho, Gilvan Mocidade, Gigi Moreira, Wilzon Bozzó, José Pereira Godão, Luís Bulcão, César Nascimento, Mestre Walmir, entre outros, além dos parintinenses Hugo Levy, Adriani Aguiar, Chico da Silva, Ademar Azevedo e Mauricio Filho. A harmonia ganhou adaptações para tornar o espetáculo o mais próximo possível do que acontece nas arenas, palcos e ruas por onde os dois famosos guardiões da Amazônia de apresentam.

 

Ente as toadas dos bois Caprichoso e Garantido que foram adaptadas para a batida do bloco, estão O Touro Negro e a Estrela Encantada, Povo Festeiro da Ilha, Os Camisas Encarnadas e Vermelho.

 

Artistas de Parintins, Manaus (AM) e Porto Velho (RO) virão participar das apresentações na capital maranhense. Bem como virão durante o ano de 2018 para desenvolver oficinas, cursos e outras ações, ao mesmo tempo que Os Foliões irão se apresentar na terra do Boi-bumbá.

Sobe Catracas

JOSÉ FERREIRA, professor da UFAM

Professor da Faculdade de Ciências Agrárias, recebeu homenagem da Associação dos Engenheiros Agrônomos do Amazonas (AEAEA)

Sobe Catracas

ARTHUR DOS SANTOS, estudante

Aluno do CETI/Parintins conquistou medalha de ouro na 21ª edição da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

Desce Catracas

IVON RATES, prefeito de Envira

MP-AM foi à Justiça para que a Prefeitura pare de depositar lixo a céu aberto na cidade, em área próxima à residências

Desce Catracas

PEDRO GARCIA, ex-prefeito de São Gabriel da Cachoeira

Justiça Federal determinou bloqueio de R$ 540 mil em bens e valores da conta bancária dele por improbidade administrativa 

BASTIDORES