DeAmazônia

MENU
Atualizado em 11/01/2018

Sebrae AM terá sede própria em Itacoatiara; Pedra Fundamental foi lançada nesta quarta (10)

Todo o projeto estrutural do prédio foi elaborado dentro dos modernos padrões de sustentabilidade, uso inteligente de recursos de energia, água, além de inovações com vista ao baixo custo de manutenção predial

Sebrae AM terá sede própria em Itacoatiara; Pedra Fundamental foi lançada nesta quarta (10) Atualmente o Sebrae em Itacoatiara funciona em imóvel alugado - Foto: Divulgação

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O Sebrae no Amazonas lançou nesta quarta-feira (10), às 17h,  no município de Itacoatiara (cerca de 288 quilômetros de Manaus), a Pedra Fundamental de construção do prédio que vai ser a sede própria da Instituição no Município. Atualmente o Sebrae em Itacoatiara funciona em imóvel alugado.

   

Localizado no bairro Santo Antônio, a nova estrutura vai contar com três salas de aula, áreas administrativas, recepção, estacionamento, entre outros. Todo o projeto estrutural foi elaborado dentro dos modernos padrões de sustentabilidade, uso inteligente de recursos de energia, água, além de inovações com vista ao baixo custo de manutenção predial.

A cerimônia de lançamento da Pedra Fundamental vai contar com a presença de personalidades e autoridades de Itacoatiara, incluindo o prefeito Antônio Peixoto, colaboradores do Sebrae e o presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae no Amazonas (CDE/AM), José Roberto Tadros.

Sobe Catracas

JARDEL SANTOS, modelo

foi eleito no fim de semana Mister Parintins 2017 e vai disputar agora o Mister Amazonas

Sobe Catracas

MARCELLA BÁRTHOLO, cantora

Cantora amazonense que participou do The Voice Kids Brasil lança nesta quarta (17) vídeo clipe da música Fortaleza sua nova canção autoral

Desce Catracas

ARLENE SANTANA, candidata a vice de Novo Aripuanã

Renunciou candidatura após adversários ingressarem no MP com pedido de impugnação do registro dela na eleição suplementar

Desce Catracas

JORGE PINHEIRO, presidente da Hapvida Saúde

Justiça condenou Hapvida a pagar indenização aos pais de uma criança por negarem atendimento a menino que tinha pedaços de vidro na boca, por atraso de oito dias de mensalidade

BASTIDORES