DeAmazônia

MENU
Atualizado em 04/01/2018

Governo do Amazonas vai pagar nova parcela do abono aos professores

O professor Lourenço Braga, anunciou o abono nesta quinta-feira, (04)

Governo do Amazonas vai pagar nova parcela do abono aos professores A quinta parcela será paga no dia 17 de janeiro - Foto: Divulgação

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Por determinação do governador Amazonino Mendes, que prometeu boas notícias para a educação em 2018, os profissionais do Magistério (professores e pedagogos) vão receber mais uma parcela do abono do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

 

A quinta parcela será paga no dia 17 de janeiro e faz parte do plano de valorização dos profissionais da Educação. “O governador Amazonino Mendes autorizou a liberação do abono, pois ele entende que os professores e pedagogos são merecedores desse recurso que é deles por lei”, explicou o secretário de Estado de Educação, professor Lourenço Braga, ao anunciar o abono nesta quinta-feira, dia 4 de janeiro.

 

Os valores dessa quinta parcela do abono, referente às sobras do Fundeb 2017, ficarão entre R$ 1 mil e R$ 1,2 mil para cada 20 horas (por cadeira). Ou seja, o servidor que trabalha 40 horas ganha o dobro e aquele que possui 60 horas receberá o triplo. Essa é a quinta parcela de um abono que começou a ser pago ano passado.

 

Os professores e pedagogos foram beneficiados desde agosto de 2017, quando o governo Federal enviou, ao Amazonas, R$ 236 milhões de sobras do Fundeb.

 

Na época, os profissionais que atuam com carga horária de 20 horas receberam R$ 6,7 mil e os que trabalham com 40h e 60 horas, receberam o dobro e o triplo.

Sobe Catracas

MICHELE GUIMARÃES, administradora

Amazonense foi recebida na Casa Branca pelo ex-presidente do EUA, Barack Obama, e selecionada para participar de cursos na Universidade de Oxford.

Sobe Catracas

JOÃO BARROSO, procurador geral do MPC

Tomou posse hoje (16) como procurador-geral do Ministério Público de Contas (MPC) para o biênio 2018-2020

Desce Catracas

MARÍLIA MENDONÇA, cantora sertaneja

MP recomendou que artista não cante no aniversário de Coari sob pena de incorrer improbidade administrativa 

Desce Catracas

ROBERTO TADROS, presidente da Fecomércio-AM

Matéria da Folha de SP aponta fragilidade e baixa rotatividade na federação do AM, por dirigente estar a 32 anos no cargo

BASTIDORES