DeAmazônia

MENU
Atualizado em 30/12/2017

Seap identifica quem vazou fotos do ex-governador na prisão

Fotos de Melo na prisão vazaram

Seap identifica quem vazou fotos do ex-governador na prisão Ex- governador Melo quando chegava a sede da PF

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) divulgou por meio de nota que foram identificados dois funcionários que vazaram fotos do ex-governador José Melo, na prisão. A Seap instaurou um procedimento investigatório e já afastou os dois colaboradores.

 

Os dois acusados são funcionários da Umanizzare, empresa responsável pela co-gestão do sistema prisional. Eles assumiram a autoria do vazamento das imagens do banco de dados, do sistema.  

 

A Seap também abriu procedimento contra a empresa.

 

“A Seap oficiou a empresa co-gestora para que adote os procedimentos cabíveis de afastamento dos dois servidores das atividades laborais. A secretaria irá avaliar a legalidade para instaurar um processo sancionatório contra a empresa, para responsabilizar pelo ato de vazamento de informações internas do sistema prisional”, diz a SEAP, em Nota.

 

O ex-governador José Melo foi preso no dia 21 de dezembro, na operação Estado de Emergência, acusado de desviar verba da saúde. Nas fotos Melo aparece sem camisa e num ângulo em que ele aparenta ter mais de 1,70 de altura, o que gerou suspeita das imagens terem sido montadas, mas a Seap confirmou a autenticidade.   

Sobe Catracas

SUSAN MONTEVERDE, jornalista

Parintinense vai representar o Brasil no Seminário Global de Salzburg (SGS), na Áustria, nos diálogos das áreas de Cultura, Artes e Sociedade.

Desce Catracas

CHICO ALFAIA, prefeito de Óbidos (PA)

MPF vai investigar prefeito por suposto desvio de recursos federais, repassados ao município pelo Ministério da Integração Nacional