DeAmazônia

MENU
Atualizado em 21/12/2017

Ex-prefeito foragido tem prisão convertida em preventiva

Magalhães teve prisão decretada pela Justiça na segunda-feira (11)

Ex-prefeito foragido tem prisão convertida em preventiva

DEAMAZÔNIA COARI, AM - O ex-prefeito de Coari, Raimundo Magalhães, teve a prisão temporária convertida em prisão preventiva. A Justiça decretou a prisão dele na segunda-feira (11/12). O ex-prefeito é dado como foragido.

 

A Polícia Civil do Amazonas não conseguiu cumprir o mandado de prisão expedido pelo juiz Fábio Alfaia. Ao chegarem a residência de Magalhães, um condomínio de Luxo, em Manaus, encontraram a casa abandonada e toda revirada.

 

O ex-prefeito teve a prisão decretada a pedido do Ministério Público. A representação do MP/AM aponta superfaturamento na aquisição de combustível para a Prefeitura no ano de 2016. Magalhães gastou o valor R$ 1.225.964,23 (um milhão, duzentos e vinte e cinco mil, novecentos e sessenta e quatro reais e vinte e três centavos).

Sobe Catracas

JOSÉ FERREIRA, professor da UFAM

Professor da Faculdade de Ciências Agrárias, recebeu homenagem da Associação dos Engenheiros Agrônomos do Amazonas (AEAEA)

Sobe Catracas

ARTHUR DOS SANTOS, estudante

Aluno do CETI/Parintins conquistou medalha de ouro na 21ª edição da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

Desce Catracas

IVON RATES, prefeito de Envira

MP-AM foi à Justiça para que a Prefeitura pare de depositar lixo a céu aberto na cidade, em área próxima à residências

Desce Catracas

PEDRO GARCIA, ex-prefeito de São Gabriel da Cachoeira

Justiça Federal determinou bloqueio de R$ 540 mil em bens e valores da conta bancária dele por improbidade administrativa 

BASTIDORES