DeAmazônia

MENU
Atualizado em 14/11/2017

Brasil poderá proibir uso de celular no trabalho, com direito a punições

Segundo o deputado, funcionários perdem a atenção durante expediente por conta do uso privado do celular

Brasil poderá proibir uso de celular no trabalho, com direito a punições Advertências, suspensões ou até mesmo demissão por justa causa são alguns exemplos do que pode ser infringido ao funcionário. Foto: reprodução internet

projeto de lei nº 9066/2017 de autoria do deputado federal Heuler Cruvinel (PSD/GO) visa proibir celulares em ambiente de trabalho, bem como propor punições para o uso. Única exceção seria para funcionários que usam os aparelhos com propósitos específicos de trabalho.

 

"Na atual realidade a questão tempo e produção de excelência é o ponto alto nas relações profissionais do dia a dia, porém assistimos todos os dias a falta de atenção de funcionários em razão do uso privado do telefone celular", argumenta o deputado.

 

De acordo com o jornal 'O Globo', o projeto também propõem certas punições para o empregado que não seguir a regra. Advertências, suspensões ou até mesmo demissão por justa causa são alguns exemplos do que pode ser infringido ao funcionário.

 

 

Sobe Catracas

KETELLEN REGINA, atleta

Amazonense representará o estado no Mundial Escolar de Marrocos pela modalidade Luta Olímpica

Sobe Catracas

FLÁVIO PASCARELLI, presidente do TJ/AM

TJ/AM ficou entre os quatro primeiros tribunais estaduais do País em produtividade no cumpriento da Meta 1 do CNJ

Desce Catracas

MANO DADAI, vereador de Santarém

Foi preso na operação Perfuga, após ser entregue em delação, acusado dos crimes de peculato e associação criminosa

Desce Catracas

RAIMUNDO CHICÓ, prefeito de Anamã

Pela segunda vez em dez anos, Justiça Eleitoral determinou o afastamento dele do cargo e pede novas eleições ao município

BASTIDORES