Quarta, 03 de junho de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 24/08/2017

Grupo é preso suspeito de saquear malas de vítimas de naufrágio no PA

Trio foi detido nesta quinta-feira (24), por levar objetos e malas das vítimas do naufrágio

Grupo é preso suspeito de saquear malas de vítimas de naufrágio no PA Os homens foram detidos nesta quinta-feira (24), por levarem objetos e malas das vítimas do naufrágio. FOTO: Paulo Vieira/Arquivo Pessoal

Três homens foram detidos suspeitos de saquear as vítimas que estavam no barco do navio Capitão Ribeiro, que naufragou em Porto de Moz, no Rio Xingu, oeste do Pará. Os homens foram detidos nesta quinta-feira (24), por levarem objetos e malas das vítimas do naufrágio.

 

Segundo refere o G1, o navio Capitão Ribeiro saiu do município de Santarém, oeste do estado, às 18h de segunda-feira (21). O governo trabalha com o número de 49 pessoas a bordo. Até o momento 23 sobreviventes foram localizados. Vinte e um corpos foram encontrados.

 

A Agência Estadual de Regulação e Controle de Serviços Públicos (Arcon-PA), afirmou que a empresa não estava legalizada para fazer o transporte de passageiros.

 

A Secretaria de Segurança Pública do Estado do Pará (Segup) informou que o trio está detido na Delegacia de Porto de Moz.

 POR NOTÍCIAS AO MINUTO

Sobe Catracas

MARIA OLIVEIRA, prefeita de Ipixuna (AM)

Desde o inicío da pandemia, adotou 'hotel de quarentena' e barreiras sanitárias, e município segue sem casos confirmados de Covid-19

Desce Catracas

BETO NICOLAU, presidente da Samel

Após gesto de grandeza por tratar artistas em seu hospital Samel, apequenou-se em cobranças pessoais em Parintins