Domingo, 31 de maio de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 21/06/2017

| Irmão de Luciano Huck fala de impacto ao assumir ser gay: 'Foi digestão na família'

Grostein explicou que demorou muito até se assumir gay e que isso gerou muita dor ao longo da adolescência.

| Irmão de Luciano Huck fala de impacto ao assumir ser gay: 'Foi digestão na família' Fernando Grostein e Luciano Huck (Foto: reprodução/Instagram)

Pedro Bial recebeu o cineasta Frnando Grostein, irmão do apresentador Luciano Ruck, no programa “Conversa com Bial” de terça-feira (20). Na entrevista, o convidado falou sobre a descoberta da homossexualidade e a reação da família ao contar sua opção sexual.

 

Grostein explicou que demorou muito até se assumir gay e que isso gerou muita dor ao longo da adolescência. “ Isso foi só com uns 20 anos. Minha adolescência foi inteira de sofrimento, estranhamento, nada fazendo sentido. Eu fiquei com um amigo desses que gostava muito de futebol. No dia seguinte, ele pediu que eu não falasse para ninguém. Uma coisa que era para ter sido legal, especial, foi um trauma. Isso é uma história de milhões de pessoas”, avaliou.

 

Em outro momento, o irmão de Luciano Huck detalhou como os familiares reagiram ao descobrirem sua homossexualidade. “Receberam bem, mas foi uma digestão na família. Lembro que o Lu, que amo de paixão, me falou: ‘Você demorou 20 anos pra resolver isso na sua cabeça, a gente precisa de um tempo aqui também para resolver dentro de nós’. A partir daí, ele foi a pessoa mais maravilhosa do mundo. Ele é incrível, junto com o meu padastro, quase como um pai para mim!”, ressaltou.

 

Sobre o pai biológico, o cineasta também é categórico. “Meu pai, se estivesse vivo, estaria ao meu lado e me apoiando nisso. Acho engraçado como a gente olha no congresso e tantos políticos totalmente dispostos em se meter na vida íntima dos outros e eles mesmos fazendo as verdadeiras baixarias. Querem legislar a vida privada e fazem da vida pública deles uma verdadeira privada”, opinou.

 

Fernando Grostein atribui a “mente aberta” da famíla em grande parte ao pai, que era editor da revista “Playboy”. “Meu pai sempre tratou a Playboy como uma revista erótica, na visão de arte. Isso nunca foi tabu em casa. A gente jantava discutindo a Playboy da Maitê Proença, da Roberta Close. Hoje ainda seria um tabu, naquela época era uma coisa”, relembrou.

 

O cineasta também refletiu sobre os rumores de que o irmão, o apresentador Luciano Huck, teria o interesse de se candidatar à Presidência da República. “Desejo que ele fique bem próximo da família, amo ele demais, quero ele próximo, é isso que espero pra ele. Infelizmente, estamos vivendo um momento sombrio e perigoso no Brasil, como instinto de irmão, eu quero ele perto da família. Tem tanta gente que estuda administração pública e não está nos partidos, e está na hora dessas pessoas aparecerem”, concluiu.

Redação/RedeTV!

Sobe Catracas

VALQUÍRIA MARTINS, farmacêutica-bioquímica

Servidora do Centro de Controle de Oncologia do Amazonas (FCecon), teve a tese de doutorado selecionada para concorrer ao Prêmio Capes de Tese 2020

Desce Catracas

JOSÉ RIBAMAR BELEZA, ex-prefeito de Barcelos

TCE/AM reprovou as contas dele de 2016 a aplicou multa de R$ 6,7 milhões por diversas irregularidades, entre elas, suposto desvio de verbas da operação 'tapa buraco'