DeAmazônia

MENU
Atualizado em 23/03/2017

No Ministério de Minas e Energia,Omar cobra fim dos apagões em Manaus

Senador cobrou obras do semi-aneal e duas subestações em Manaus e o linhão de Tucuruí para o Baixo Amazonas

No Ministério de Minas e Energia,Omar cobra fim dos apagões em Manaus Reunião aconteceu no Ministério de Minas e Energia, nesta quinta-feira (23)

DEAMAZÔNIA BRASÍLIA - O senador Omar Aziz (PSD-AM) se reuniu com o secretário Nacional de Energia Elétrica, Fábio Lopes Alves, e técnicos do Ministério de Minas e Energia (MME) para discutir soluções aos constantes apagões em Manaus. Na noite de quarta-feira (22), o fornecimento de energia foi interrompido em parte das zonas norte, sul e leste de Manaus. Nesta quinta-feira(23) os apagões também atingiram o interior. Parintins ficou sem energia por duas horas.

 

 

 

“Aumentaram a conta, mas as obras de infraestrutura para que pudessem acabar com apagões não foram feitas. Espero que, com o novo ministro, possamos ter energia com qualidade e confiável. Hoje temos uma energia cara e sem confiabilidade. Isso prejudica o nosso esforço para atrair novos investimentos”, afirmou Omar Aziz.

 

Após a reunião, o secretário de Energia Elétrica assumiu o compromisso de concluir, ainda este ano, as obras de infraestrutura para dar mais confiabilidade à energia elétrica fornecida no Amazonas.

 

 

 

“Até o máximo fim do ano, a termelétrica de Mauá e as obras que estão em fase de execução serão concluídas. Assim, parte desses desligamentos que vêm ocorrendo serão totalmente evitados. O que aconteceu ontem foi um caso específico. Esse tipo de ocorrência sempre pode acontecer, mas não com a extensão que houve. Isso poderia ser evitado se estas obras já estivessem concluídas”, admitiu Fábio Lopes Alves.

 

Entre as obras que precisam ser concluídas, o senador Omar Aziz destacou o “semi-anel que está faltando na cidade de Manaus e a construção de mais duas subestações (uma no Distrito Industrial e outra no Centro da cidade), fora o compromisso antigo de levar a energia elétrica pelo Linhão de Tucuruí para os municípios do Baixo Amazonas”.

 

Além de Omar, também participaram da reunião o governador do Amazonas, José Melo, e o deputado federal Pauderney Avelino (DEM-AM).


“Já tivemos vários apagões recentemente. Ontem foi mais um. Estamos no Século XXI, não dá pra entender a falta de vontade política. Nosso papel é cobrar a responsabilidade do Governo Federal. Não podemos fazer de conta que não está acontecendo nada”, finalizou o Senador do Amazonas.

Sobe Catracas

LUIZ PACHECO, presidente da Escola de Samba Aparecida

Escola de Samba Mocidade Independente de Aparecida foi campeã do Carnaval de Manaus 2020

Desce Catracas

VILSON GONÇALVES, prefeito de Aveiro (PA)

Virou alvo da Justiça em processo criminal acusado de recolher ICMS de mercadoria para exportação sem comprovar para Sefa saída do produto