Sábado, 21 de maio de 2022

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 20/01/2022

Letreiro turístico vai receber piso acessível e mobiliários similares

Inaugurado no último dia 15, o letreiro está se tornando parada obrigatória no cartão-postal natural da cidade.

Letreiro turístico vai receber piso acessível e mobiliários similares Letreiro turístico vai receber piso acessível e mobiliários similares - Fotos: Ruan Souza/Semcom e Altemar Alcântara/Semcom

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Até o fim de janeiro, o mais novo ponto instagramável da capital amazonense, o primeiro letreiro turístico da Prefeitura de Manaus, deverá receber um novo piso ao redor da instalação no complexo turístico Ponta Negra, na zona Oeste. Inaugurado no último dia 15, o letreiro está se tornando parada obrigatória no cartão-postal natural da cidade.

 

Instalado nas proximidades do Centro de Atendimento ao Turista (CAT), em uma área de gramado que tem como fundo a vista para o rio e a ponte jornalista Phelippe Daou, o espaço receberá um novo piso, tanto para ser mais resistente ao fluxo de pessoas quanto para permitir acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida e com deficiência (PcDs).

 

Uma equipe do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb) trabalha na composição para ter o melhor piso, dentro dos padrões do parque Ponta Negra. Mais outros três letreiros serão instalados na cidade, reforçando o investimento da prefeitura no turismo.

 

“Essas obras não custam nenhum recurso para os cofres da prefeitura, sendo decorrentes de medidas compensatórias”, comentou o prefeito David Almeida.

 

Os recursos de medidas compensatórias são decorrentes de licenciamento urbano, previsto no Plano Diretor, e a prefeitura não tem custo na construção dos mobiliários.

 

Para o diretor-presidente do Implurb, engenheiro Carlos Valente, o mobiliário passa a ser a assinatura oficial da capital e será replicado em outros pontos, como a praça da Matriz, Centro; no Educandos; e no futuro parque Encontro das Águas, zona Leste, entre outros pontos.

 

Identidade

O letreiro turístico da Ponta Negra tem 10,50 metros de comprimento por 2,80 metros de altura, formando a palavra “Manaus”, além de elementos vazados como corações e árvores de 4,50 metros de altura. Todo o corpo do mobiliário foi construído usando chapas metálicas, com estruturas em uma base de concreto para fixação segura.

 

Apesar do material ser resistente e de alta durabilidade, a prefeitura orienta que a população não faça fotos montando no letreiro, evitando qualquer tipo de vandalismo ao mobiliário. Guardas municipais e a equipe da comissão do parque têm orientado usuários a não subir, escalar ou se pendurar nas letras e elementos.

 

Atração 

A iluminação cênica do mobiliário proporciona interatividade com o público, além de acompanhar as campanhas de saúde, que usam cores como referência.  

Sobe Catracas

MARIA GABRYELLA SANTOS, atleta

Com apenas 10 anos de idade, conquistou a medalha de ouro no Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu, modalidade Infantil, em São Paulo

Desce Catracas

DELEGADO FONSECA, prefeito de Oriximiná

Juiz mandou prefeito suspender portaria que reduz salário dos professores concursados de nível superior, publicada em março, assim que ele reassumiu o cargo