Terça, 02 de março de 2021

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 18/02/2021

CPI da Amazonas Energia na CMM já tem 21 assinaturas e deve ser instalada na segunda (22)

Proposta pelo vereador Rodrigo Guedes,CPI vai apurar supostas práticas abusivas cometidas pela empresa, como cortes de energia na pandemia

CPI da Amazonas Energia na CMM já tem 21 assinaturas e deve ser instalada na segunda (22) Vereador Rodrigo Guedes já tem 21 assinaturas a favor da criação da CPI da Amazonas Energia (Foto: Robervaldo Rocha – Dircom/CMM)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A proposta de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara Municipal de Manaus (CMM) para apurar denúncias de práticas abusivas cometidas pela concessionária Amazonas Energia, apresentada pelo vereador Rodrigo Guedes (PSC) já conta com 21 assinaturas.

 

Para a instalação de uma CPI, são necessárias 14 assinaturas, um terço do total de vereadores da CMM.

 

Além de Rodrigo Guedes, outros 20 vereadores já assinaram o documento, que foi protocolado por ele, nesta quinta-feira (18/2) e deverá ser deliberado em plenário, na sessão ordinária de segunda-feira (22/2).

 

O vereadores que assinaram o documento são:  Amom Mandel (Podemos); Antônio Peixoto (PTC); Caio André (PSC); Sassá da Construção Civil (PT); Daniel Vasconcelos (PSC); Dione Carvallho (Patriota); Elan Alencar (PROS); Fransuá Matos (PV); Ivo Neto (Patriota); Jaildo Oliveira (PCdoB); João Carlos (Republicanos); Lissandro Breval (Avante); Eduardo Assis (Avante); Raiff Matos (DC); Sandro Maia (DEM); Thaysa Lippy (PP); William Alemão (Cidadania); Yomara Lins (PRTB); Raulzinho (PSDB); Capitão Carpê (Republicanos)  e o autor do documento vereador Rodrigo Guedes.

 

Segundo o vereador Rodrigo Guedes, a CPI da Amazonas Energia vai apurar supostas práticas abusivas cometidas pela empresa, como cortes indevidos do fornecimento de energia elétrica durante o estado de calamidade pública na cidade de Manaus, bem como o descumprimento de decisões judiciais.

 

“Neste parlamento, temos que trazer a responsabilidade de colocarmos na linha essa empresa, que é inimiga número 1 dos amazonenses. São inúmeras transgressões às leis e às instituições. Conto com o apoio dos vereadores e da sociedade para dar um basta aos abusos da Amazonas Energia”, afirmou o vereador, em pronunciamento na tribuna da Câmara.

Sobe Catracas

MARIVELTON BARROSO, líder da etnia Baré

Venceu prêmio internacional da Revista Vanity Fair, que homenageia personalidades que mais se destacam pelo mundo, com projetos inovadores de turismo suntentável

Desce Catracas

DILMA SERRÃO, ex-prefeita de Belterra (PA)

TCU reprovou as contas e condenou ex-prefeita a devolver R$ 100 mil ao MEC, por não comprovar recursos do FNDE, recebidos em 2015