Terça, 19 de janeiro de 2021

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 13/01/2021

Após pressão, Pazuello diz que Manaus será a primeira a ser vacinada, em janeiro

"Ninguém receberá vacina antes de Manaus", disse ministro da Saúde, hoje (13), em pronunciamento

Após pressão, Pazuello diz que Manaus será a primeira a ser vacinada, em janeiro Após pressão, Pazuello anuncia Manaus como a primeira cidade a ser vacinada (Foto: Reprodução/Video)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Após a repercussão negativa de sua visita à Manaus, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello afirmou, em pronunciamento, nesta quarta-feira (13/1), que Manaus será a primeira cidade do país a receber a vacina contra a Covid-19, ainda neste mês de janeiro. 

 

"Vamos vacinar em janeiro e Manaus será também a primeira a ser vacinada. Ninguém receberá a vacina antes de Manaus. A vacina será distribuída simultaneamente em todos os estados, na sua proporção de população. E Manaus terá a sua prioridade também", afirmou Pazuello. 

 

A capital amazonense passa por um aumento dramático no número de casos, internações e mortes por coronavírus. 

 

"Quando a Anvisa concluir sua análise, três, quatro dias depois estaremos distribuindo no Brasil. A Anvisa vai se pronunciar no dia 17. Se se alongar no dia 21 ou 22, botem os números pra frente, mas é janeiro", completou.

 

Em Manaus, nesta segunda-feira (11), o ministro Pazuello disse que, mesmo diante do colapso na saúde, o Amazonas não teria prioridade na imunização. A fala de Pazuello repercutiu mal entre as autoridades sanitárias do estado, que esperavam respostas efetivas do governo federal. 

 

O ministro voltou a falar sobre a vacinação do país, que ele calcula em 8 milhões de doses. No cálculo de Pazuello estão incluídas 6 milhões de doses do Instituto Butantan, em São Paulo, e as vacinas compradas da Índia.

 

Pazuello afirmou ainda que serão mobilizados hospitais de campanha para reforçar o atendimento na cidade. 

Sobe Catracas

JOÃO DORIA, governador de São Paulo

Teve a iniciativa de mandar produzir a Coronavac e enviou 50 mil doses para vacinar profissionais de saúde do Amazonas contra a covid-19

Desce Catracas

BRUNO RAMALHO, prefeito de Carauari (AM)

Inaugura Centro de Tratamento Precoce, fazendo aglomeração, para distribuir 20 mil ivermectina, remédio chamado de inútil pelos cientistas e Anvisa