Terça, 19 de janeiro de 2021

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 23/11/2020

Caprichoso divulga nota e diz que vai aguardar investigações da PF que atinge presidente

Diretoria do boi informa que não há acusação formal contra Jender Lobato Diretoria do boi informa que não há acusação formal contra Jender Lobato

Caprichoso divulga nota e diz que vai aguardar investigações da PF que atinge presidente

DEAMAZÔNIA PARINTINS AM - A diretoria do boi Caprichoso divulgou nota, no final da manhã de hoje (23/11), sobre o suposto envolvimento do presidente da agremiação folclórica, Jender Lobato, em fraude de licitações na Prefeitura de Presidente Figueiredo.

 

Na Nota, assinada pelo vice-presidente boi, Karu Carvalho, informa que não há até o momento nenhuma acusação formal da Polícia Federal contra Jender e nem contra o pai do deputado Saullo Vianna, Sérgio Viana, ex-vice-presidente do bumbá. O deputado também é alvo da operação.

 

"Considerando que se trata de uma investigação recém iniciada, não é possível se concluir nada, reafirmando-se a total confiança no Poder Judiciário e que, ao final, tudo será devidamente esclarecido", afirma karu Carvalho, na nota.

 

Jender e Sérgio foram um dos quatro presos na operação da PF que investigação suposta fraude em licitação do transporte escolar na Prefeitura de Presidente Figueiredo, em 2017.

 

Antes de assumir a presidência do Capriochoso, Jender Lobato era o presidente da comissão de Licitação da Prefeitura de Presidente Figueiredo.   

NOTA DO BOI CAPRICHOSO

Nação Azul e Branca!


 
A diretoria do Boi Caprichoso, tomando conhecimento do fato ocorrido hoje pela manhã na capital do Estado do Amazonas, acompanha atentamente as informações que envolvem o nome do presidente Jender Lobato e do ex-vice presidente, Sérgio Viana, para que, no momento oportuno, possa se pronunciar a respeito! 

 

A Associação Cultural Boi-Bumbá Caprichoso aguarda o transcorrer das investigações, pois até o presente momento não existe nenhuma acusação formal feita contra o presidente Jender Lobato e nem contra o ex-vice presidente Sérgio Viana.

 

Conforme dispõe nossa Constituição Federal, ninguém será considerado culpado enquanto não houver decisão definitiva da Justiça, devendo se resguardar o contraditório, ampla defesa e o devido processo legal.

 

Considerando que se trata de uma investigação recém iniciada, não é possível se concluir nada, reafirmando-se a total confiança no Poder Judiciário e que, ao final, tudo será devidamente esclarecido.

Karu Carvalho - vice presidente

Sobe Catracas

JOÃO DORIA, governador de São Paulo

Teve a iniciativa de mandar produzir a Coronavac e enviou 50 mil doses para vacinar profissionais de saúde do Amazonas contra a covid-19

Desce Catracas

BRUNO RAMALHO, prefeito de Carauari (AM)

Inaugura Centro de Tratamento Precoce, fazendo aglomeração, para distribuir 20 mil ivermectina, remédio chamado de inútil pelos cientistas e Anvisa