Sexta, 14 de agosto de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 30/07/2020

Ufam aprova aulas remotas a partir da segunda quinzena de agosto

Volta às aulas da maneira facultativa foi aprovada por Comissão Especial da Proeg

Ufam aprova aulas remotas a partir da segunda quinzena de agosto Entrada da UFAM, em Manaus (Foto: Divulgação)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A Universidade Federal do Amazonas (UFAM) informou, nesta quinta-feira (30/7), que no período de agosto a dezembro deste ano, só há possibilidade de retomar as atividades acadêmicas se for de maneira remota, em calendário especial e de maneira facultativa por adesão de professores e estudantes.

 

A decisão foi tomada em reunião da Comissão de Assessoria da Pró-Reitoria de Ensino de Graduação.

 

O retorno foi avaliado com base no Plano de Biossegurança da Universidade.

 

O documento traz diretrizes e orientações de retorno das atividades presenciais com análise ao panorama epidemiológico do Amazonas, em especial na cidade de Manaus e nos municípios de Coari, Itacoatiara, Parintins, Benjamin Constant e Humaitá, onde a Ufam tem seus campi.

 

O método facultativo (opcional a estudantes) deverá ser válido para todo o estado. A Ufam ouviu ainda todos os diretores das unidades acadêmicas do interior.

 

A proposta para oferta de ensino remoto será encaminhada ao Conselho de Ensino e Pesquisa (Consepe), da Ufam, para apreciação e deliberação por um órgão superior. 

 

A decisão do Consepe deve ser deliberada na primeira quinzena de agosto.

Sobe Catracas

ARLINDO NETO, cantor

Estreou em grande estilo, em apresentação solo, seguindo legado do pai

Desce Catracas

DELEGADO PABLO OLIVA, deputado federal

Investigado por usar mãe e irmão como laranjas em suposto esquema de corrupção