Quinta, 13 de agosto de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 28/07/2020

Prefeito de Terra Santa flexibiliza prevenção, mas não chama aprovados no concurso público

Doca Albuquerque não deu posse a concursados justificando a pandemia, e preferiu empregar vários temporários às véspera da campanha eleitoral

Prefeito de Terra Santa flexibiliza prevenção, mas não chama aprovados no concurso público Prefeito de Terra Santa, Doca Albuquerque

DEAMAZÔNIA TERRA SANTA, PA - O prefeito de Terra Santa, Doca Albuquerque (PSD), publicou na sexta-feira (24/7), decreto que flexibiliza atividades econômicas – inclusive autoriza viagens intermunicípais e interestaduais de embarcações, mas mesmo assim, ainda não anunciou uma data para empossar os aprovados no concurso público de fevereiro 2020.

 

"Art. 7º Ficam autorizadas as viagens intermunicipais e interestaduais de passageiros, coletivas e privadas, por meio fluvial e terrestre, devendo ser respeitada a capacidade máxima de 20% (vinte por cento) da lotação dos barcos, navios e Ferry Boat´s e 50% (cinquenta por cento) da lotação das lanchas", diz trecho do decreto. LEIA aqui o DECRETO, na íntegra 

 

O prefeito alegava que não havia convocado os aprovados em razão da pandemia da Covid-19, quando as embarcações ficavam impedidas de trafegar e também justificando que os concursados iriam disseminar o novo coronavírus no município. Até os aprovados na área da saúde [setor crítico de Terra Santa] o chefe do Executivo desconsiderou. 

 

No entanto, mesmo ignorando os aprovados em concurso, Doca nunca deixou de contratar na pandemia servidores temporários para várias secretariais municipais, tema que virou público e notório na cidade.

 

 Em live no Facebook no dia 22 de julho, o prefeito não respondeu perguntas de moradores sobre o concurso público, feitas no comentário da rede social. Moradores entraram em contato com o Portal deAMAZÔNIA para reclamar da ‘ enrolação’ do prefeito.

 

O concurso da Prefeitura de Terra Santa, realizada em fevereiro, previa contratação imediata dos aprovados.  O certame disponibilizou 294 vagas para todas as áreas do município. A posse estava marcada para este dia 1o de abril.

 

Esta semana, o Tribunal de Contas dos Municípios do Pará colocou a gestão do prefeito de Terra Santa na classificação  Ruim no ranking dos município pela falta de transparência na aplicação de recursos no enfrentamento da covid-19.   

LIVE DA ENTREVISTA DO PREFEITO NO DIA 22 DE JULHO, QUANDO DOCA IGNORA PERGUNTA DOS MORADORES SOBRE O CONCURSO

Sobe Catracas

ARLINDO NETO, cantor

Estreou em grande estilo, em apresentação solo, seguindo legado do pai

Desce Catracas

DELEGADO PABLO OLIVA, deputado federal

Investigado por usar mãe e irmão como laranjas em suposto esquema de corrupção