Quinta, 13 de agosto de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 07/07/2020

Manaus teve explosão de 120% de óbitos em casa, nos últimos três meses, diz Folha

Período corresponde ao início, pico e começo de queda de infecções por coronavírus (Covid-19), na capital

Manaus teve explosão de 120% de óbitos em casa, nos últimos três meses, diz Folha Serviço SOS Funeral, da Prefeitura de Manaus (Foto: Alex Pazuello/Semcom)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Manaus teve uma explosão de 120% referente a casos de mortes em casa ou em vias públicas, no período de 15 de março a 13 de junho. A temporada corresponde ao início, pico e começo de queda de infecções por coronavírus (Covid-19), na capital. 

 

Os dados foram publicados pela Folha de São Paulo, nesta terça-feira (7/7), e são da Central de Informações do Registro Civil (CRC Nacional), coletados pelos cartórios. O levantamento foi feito pelo epidemiologista Jesem Orellana, da Fiocruz Amazônia, a pedido do jornal.

 

Segundo a Folha, 1.290 pessoas morreram em casa ou na rua, nos últimos três meses, em Manaus.

 

A matéria cita ainda outras três capitais, também fortemente atingidas pela pandemia: São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza. Entre elas, Manaus foi a que teve o maior salto em relação a óbitos em casa.

 

“Manaus teve um pico assustador de mortes em casa nessas semanas: foram 877 de 12 de abril a 16 de maio —um aumento de 340% em relação aos 199 óbitos no mesmo período do ano passado”, diz um trecho da reportagem da Folha.

Leia a reportagem completa na Folha de São Paulo

Sobe Catracas

ARLINDO NETO, cantor

Estreou em grande estilo, em apresentação solo, seguindo legado do pai

Desce Catracas

DELEGADO PABLO OLIVA, deputado federal

Investigado por usar mãe e irmão como laranjas em suposto esquema de corrupção