Sábado, 06 de junho de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 22/05/2020

Produtores de oito municípios têm até o dia 31 para imunizar rebanho contra febre aftosa

Vacina pode ser adquirida em escritórios do Idam ou em casas agropecuárias credenciadas pela Adaf nos municípios

Produtores de oito municípios têm até o dia 31 para imunizar rebanho contra febre aftosa Produtores de oito municípios têm até o dia 31 para imunizar rebanho contra febre aftosa (Foto: Tácio Melo/Secom)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Os criadores de bovinos e bubalinos dos municípios de Barcelos, Carauari, Juruá, Novo Airão, Presidente Figueiredo, Santa Isabel do Rio Negro, São Gabriel da Cachoeira e Tapauá devem vacinar seus animais de todas as idades até o dia 31 de maio. A campanha “Amazonas sem Febre Aftosa”, que teve início no dia 1º deste mês, é coordenada pela Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf).

 

Ao todo, 442 propriedades rurais e 16.791 bovídeos estão envolvidos nesta primeira etapa da campanha.

 

“Alertamos aos produtores rurais que estão em campanha agora nesse mês de maio que devem realizar essa vacinação, adquirindo a dose da vacina, até o dia 31 de maio, e fazendo a declaração junto aos escritórios da Adaf até o dia 15 de junho. Portanto, não percam o seu prazo e garantam a imunização do seu rebanho contra febre aftosa”, alertou o diretor-presidente da Adaf, Alexandre Aráujo.

 

Para a aquisição das doses da vacina, o produtor rural deverá ir a um dos escritórios do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam) ou em casas agropecuárias credenciadas pela Adaf em seu município. O preço é de R$ 1,90 a R$ 2,10 por dose (2 ml).

 

Declaração

A declaração da vacina deve ser realizada em uma das Unidades Locais de Sanidade Animal e Vegetal (Ulsavs) da Adaf ou em um dos escritórios do Idam, órgãos integrantes do Sistema Sepror.

 

Atendimento

Devido às medidas de enfrentamento da pandemia do novo coronavírus  (Covid-19), a Adaf orienta aos produtores rurais que o atendimento na Agência e no  Idam deverão ser agendados previamente por meio do WhatsApp de cada instituição.

Sobe Catracas

RODRIGO FERNANDES, escritor paraense

Natural de Santarém, venceu concurso da Academia Paraense de Letras e Artes e obra dele ficou em 1º lugar na categoria 'Melhor Livro'

Desce Catracas

ALFREDO MENEZES, ex-superintendente da Suframa

Foi demitido após 1 ano e 3 meses à frente da autarquia, que enfrenta a por crise da história