Sexta, 29 de maio de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 27/04/2020

ANDRÉ SEFFAIR - Nas trevas sejamos luz

ANDRÉ SEFFAIR - Nas trevas sejamos luz André Seffair

Nada está sendo fácil, a gravidade da situação é inédita para a nossa geração. Não me desespero, não aponto dedos, não busco culpados. Assim como aconteceu em países desenvolvidos, todas as redes colapsaram no Amazonas. É a natureza impondo-se sobre todas as soberbas humanas. Não me desespero porque sempre respeitei as forças da natureza, certamente deve estar sendo mais difícil para quem se julgava superior a elas.

 

Já enfrentamos perdas de vidas em quantidades inéditas, minha solidariedade e pesar a todos, indistintamente. Muitas perdas infelizmente ainda acontecerão. Sofrer não é vergonhoso, tirar proveito do sofrimento alheio para justificar obscurantismos sim.

 

A situação é por demais extrema para que eu me perca em idolatrias, sobretudo em benefício de personalidades fronteiriças preocupadas exclusivamente com suas próprias ambições e vaidades.

 

A presidência da república demonstrou claramente seu desmazelo com as vidas humanas e o tamanho de seu nanismo moral para a nação. Lamento que o Brasil desperdice tanta energia com discursos estéreis, teorias conspiratórias, boatos, opiniões inúteis, arrogâncias, farpas e mentiras. Percebo com tristeza muita capacidade intelectual sendo jogada no lixo quando mais necessitamos de luzes. Tanto poderia ser investido em solidariedade a muitos que necessitam neste grave momento, mas não são poucos os que preferem alimentar idolatrias, distensões, incompreensões e medos.

 

Não sei quanto tempo ainda tenho no cumprimento da minha missão, mas tenho perseguido posturas e condutas que me conduzam ao preparar o espírito para o que vier, seja ajudando pessoas, seja prestando apoio àqueles que estão nas linhas de frente.

 

Aos que perderam seus entes, meus sentimentos, aos que ainda vão perder minha solidariedade, aos que ficam espero que ultrapassem este período de provação maiores do que eram antes. Em meio às trevas sejamos luz. Deus abençoe a todos.

*O autor é promotor de Justiça, mestre em Direitos Humanos pela UEA e doutorando em Ciências Criminais pela universidade de Coimbra* 

Sobe Catracas

PAULO BARRUDADA, empresário

Fez parceria com a Hemopa, oferecendo diárias grátis em hotel, a doadores de sangue de Santarém, visando incentivar aumento de bolsas

Desce Catracas

BETO D'ÂNGELO, prefeito de Manacapuru

Afrouxou em medidas restritivas e não decretou lockdown, mesmo cidade tendo mais de 2 mil casos de covid-19 e 84 mortes.