Domingo, 31 de maio de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 02/04/2020

Espaços culturais permanecem fechados em precaução ao novo coronavírus

Teatro Amazonas, centros culturais, bibliotecas, galerias e museus terão atividades reagendadas

Espaços culturais permanecem fechados em precaução ao novo coronavírus Biblioteca Pública do Amazonas (Foto: Michael Dantas/SEC)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Espaços culturais administrados pela Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa continuarão fechados para visitação até o dia 15 de abril, após decreto do Governo do Amazonas. A medida é preventiva e atende a recomendação do Ministério da Saúde para impedir a propagação do novo coronavírus (Covid-19).
 
 
Com a decisão, a fim de evitar aglomeração de pessoas, o Teatro Amazonas e pequenos teatros, centros culturais, bibliotecas, galerias e museus permanecem com atividades suspensas até a próxima reavaliação do cenário da epidemia no Estado.
 
 
Todos os eventos realizados pela pasta também foram adiados. As novas datas serão anunciadas em momento oportuno.
 
 
Liceu Claudio Santoro
A Secretaria suspendeu também todas as atividades desenvolvidas no Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro. A decisão abrange todas as unidades do Liceu em Manaus: Centro de Convivência do Idoso – Aparecida; Centro de Convenções – Sambódromo; os Centros de Convivência da Família Magdalena Arce Daou e Padre Pedro Vignola; assim como as unidades dos municípios de Parintins e Envira.
 
 
Mania de Ler
As atividades do projeto Biblioteca Volante, que faz parte do programa Mania de Ler, maior iniciativa de incentivo à Cultura do Estado, e que visita escolas da capital e do interior, também serão reagendadas.
 
 
Curso de Libras
Os cursos Básico e Avançado de Língua Brasileira de Sinais (Libras), que acontecem no Cine Teatro Guarany, com 80 horas de duração, também foram suspensos.
 
 
Editais
Por conta da suspensão de atividades nos espaços culturais, ficam também suspensos os editais de seleção de propostas para autorização de uso com ônus e sem ônus dos equipamentos culturais, até que a agenda dos eventos seja reestruturada.

Sobe Catracas

VALQUÍRIA MARTINS, farmacêutica-bioquímica

Servidora do Centro de Controle de Oncologia do Amazonas (FCecon), teve a tese de doutorado selecionada para concorrer ao Prêmio Capes de Tese 2020

Desce Catracas

JOSÉ RIBAMAR BELEZA, ex-prefeito de Barcelos

TCE/AM reprovou as contas dele de 2016 a aplicou multa de R$ 6,7 milhões por diversas irregularidades, entre elas, suposto desvio de verbas da operação 'tapa buraco'