DeAmazônia

MENU
Atualizado em 24/03/2020

Em época de Covid, Saullo propõe que governo apoie shows online de artistas locais

Deputado justifica que setores cultural e turístico estão entre os mais afetados, durante a pandemia

Em época de Covid, Saullo propõe que governo apoie shows online de artistas locais  Saullo Vianna solicita que Governo adote apresentações online durante pandemia (Foto: Divulgação)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O presidente da Comissão de Promoção Social e Cultural da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Saullo Vianna (PTB) sugere, por meio de indicativo ao Governo do Estado do Amazonas, que seja feito o lançamento de Edital de Seleção de incentivo à cultura. A iniciativa do parlamentar tem como finalidade oferecer cultura e arte online durante o período de reclusão para evitar a propagação do Covid-19, popularmente conhecido como Coronavírus.

 

No ofício encaminhado ao governador Wilson Lima, Saullo explica que a relevância do tema, faz-se necessária como medida de valorização dos artistas locais, que devido às recomendações previstas no Decreto no. 35.660, de evitar aglomerações, estarão impedidos de realizar shows e apresentações com público.

 

“Nossa preocupação central é com a saúde de todos, mas não podemos ficar indiferentes à perda de setores nesse período em que não se recomenda contato social e aglomerações, e sem dúvida, o cultural e o turístico estão entre os mais afetados. O Edital de Seleção de artistas para apresentação via internet se justifica como alternativa de continuidade à difusão cultural fomentada pelo Governo do Amazonas por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa”, explica o deputado.

 

Saullo frisa que no edital estão relacionadas as modalidades e categorias bem como as especificações e o pedido para divulgação da legenda do conteúdo gerado durante as apresentações online. 

Sobe Catracas

CLOVIS CORUBÃO, prefeito de São Gabriel da Cachoeira (AM)

Com 40 mil habitantes e 23 etnias indígenas, que são mais vulneréveis a gripe, cidade não têm nenhum caso suspeito do novo Coronavírus

Desce Catracas

CHICO ALFAIA, prefeito de Óbidos (PA)

Justiça determinou o bloqueio de R$ 100 mil, em bens do prefeito, por desvio de recursos do ICMS Verde repassados pelo estado, em 2017 e 2018