DeAmazônia

MENU
Atualizado em 20/02/2020

Emília Ferraz toma posse como nova delegada-geral de Polícia Civil do AM 

Delegada reafirmou o trabalho integrado com as forças de segurança; ela é a primeira mulher a comandar a instituição

Emília Ferraz toma posse como nova delegada-geral de Polícia Civil do AM  Nova delegada-geral da Polícia Civil toma posse e reafirma trabalho integrado com as forças de segurança (FOTOS: TÁCIO MELO/SECOM)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A delegada Emília Ferraz tomou posse, nesta quinta-feira (20/02), como nova titular da Polícia Civil do Amazonas, tornando-se a primeira mulher a comandar a instituição. O vice-governador Carlos Almeida deu posse à delegada-geral na sede do Governo do Estado, na Compensa, zona oeste da capital, em reunião que contou com a presença da cúpula da Segurança Pública.



O governador Wilson Lima anunciou a mudança no comando da Polícia Civil na última segunda-feira (17/02), durante a inauguração da sede do Departamento de Crime Organizado (DRCO). Na ocasião, ele disse que o combate ao tráfico de drogas será intensificado.



Para a delegada-geral, a missão recebida representa não só um marco na instituição, mas na sua trajetória de duas décadas de dedicação à Segurança Pública do Amazonas.



“É uma honra imensurável dirigir a instituição da qual eu faço parte há quase 20 anos, então a forma de eu retribuir tamanha confiança é com muito trabalho e muita lealdade”, afirmou Emília Ferraz. “A marca que pretendo imprimir é de proximidade com a população, e, principalmente, resolver o que mais aflige a cada indivíduo e cidadão que hoje está na sua casa”.



Ela ressaltou que a Polícia Civil continuará atuando de forma integrada com as demais forças da Segurança Pública, algo essencial para o êxito no trabalho que vem sendo desenvolvido pelo Governo do Amazonas, em especial no combate ao tráfico de drogas.



“Em março será lançado o Plano de Governo de Segurança Pública, onde consta todas as diretrizes que nós vamos seguir. O mote da segurança hoje é o trabalho integrado, todo nosso trabalho é integrado com a Secretaria de Segurança Pública e com a Polícia Militar, então é um trabalho conjunto, são diretrizes que todas as polícias vão seguir na rigorosidade e no combate ostensivo ao tráfico de drogas”, disse ela.



De acordo com o titular da Secretaria de Segurança Pública (SSP), coronel Louismar Bonates, a troca de comando na Delegacia-Geral é fruto de adequações na política de segurança que começou a ser implantada no início de 2019.



“O governador resolveu trazer a delegada Emília para a Polícia Civil, o delegado Lázaro (Ramos) assume outra função, e a intenção realmente é dinamizar os trabalhos, por isso essa mudança agora, com nova roupagem, novo olhar, um olhar feminino inclusive, para a segurança pública através da Polícia Civil”, comentou o secretário.



Trajetória

Formada em Direito, com mestrado em Segurança Pública pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Emília Ferraz é delegada de carreira da Polícia Civil desde 2001. Nascida no Piauí, ela recebeu o título de cidadã amazonense em 2019 pelos serviços prestados à população.



A primeira lotação ocorreu no 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP), no bairro Novo Israel. Atuou também no 12º e 20º DIPs e Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv). Exerceu função no Departamento de Polícia do Interior (DPI) e Departamento de Administração e Finança (DAF) da Polícia Civil. Em 2008, foi designada para assumir a direção do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), sendo a primeira mulher a responder pela diretoria daquele departamento.



A delegada Emília Ferraz ficou à frente do DRCO por quase cinco anos, até ser convidada para assumir a função de corregedora-auxiliar e, posteriormente, corregedora-geral adjunta na Corregedoria-Geral do Sistema de Segurança Pública, onde atuou em casos complexos, como o massacre ocorrido em janeiro de 2017, durante rebeliões no Sistema Prisional do Estado. Recentemente, presidiu o Sindicato dos Delegados de Polícia do Amazonas (Sindepol-AM).

Sobe Catracas

BI GARCIA, prefeito de Parintins

Vai demitir secretários que não colaboram com medidas de prevenção para evitar morte de pessoas pela pandemia de coronavírus

Desce Catracas

DOCA ALBUQUERQUE, prefeito de Terra Santa

Publicou decreto estranho que anula convocação de aprovados em concurso 2020 e abrirá processo seletivo