DeAmazônia

MENU
Atualizado em 19/02/2020

Urgência da FCecon passa a oferecer atendimento psicológico na rotina

Equipes estão à disposição dos usuários das 8h às 12h e das 13h às 17h

 Urgência da FCecon passa a oferecer atendimento psicológico na rotina O acompanhamento psicológico é oferecido desde a primeira quinzena de fevereiro deste ano (Foto: Divulgação/Fcecon)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon) passou a oferecer acompanhamento psicológico na rotina de atendimento do Serviço de Urgência  para pacientes e seus acompanhantes. O serviço foi implantado na primeira quinzena de fevereiro. As equipes estão à disposição dos usuários das 8h ao meio-dia e das 13h às 17h, horários de maior fluxo de pacientes no hospital.

 

As equipes de Psicologia são formadas por psicólogos da FCecon e estudantes da área em estágio na instituição, que fazem o atendimento aos pacientes e acompanhantes na Urgência. Antes da mudança no serviço, o acompanhamento psicológico era fornecido aos pacientes que estavam em leitos no setor durante visitas diárias ou quando solicitado pela equipe médica.

 

Agora, os psicólogos fazem o trabalho de Sala de Espera na recepção da Urgência, onde os acompanhantes aguardam até seus familiares serem atendidos. Durante a abordagem, a equipe oferece o suporte emocional que o familiar necessita, usa músicas e dinâmicas para relaxamento e explica como funciona o serviço de Psicologia da FCecon no Ambulatório.

 

Emocional

O acompanhamento psicológico na Urgência é uma necessidade da maioria dos usuários do setor, que procuram a unidade com problemas de saúde que, por sua vez, também têm implicações emocionais e psicológicas.

 

“Quem procura a Urgência tem justamente uma questão urgente para resolver. E, junto dos sintomas, vem a dor emocional. O trabalho que fazemos é para acolher, tirar dúvidas, preencher e amenizar a angústia que essas pessoas sentem”, explica a gerente do serviço de Psicologia da FCecon, Graciete Ribeiro.

 

Além do serviço na sala de espera e beira leito, a equipe realiza abordagens nos casos de pacientes que estão em sala de medicação e em consulta médica. “É a primeira vez que temos a interconsulta na Urgência, com a equipe da Psicologia acompanhando as consultas médicas e dando o apoio psicológico necessário ao paciente e familiar, principalmente no luto. Esse serviço traz melhorias psicossociais, atenção humanizada e adesão às terapêuticas, assim como às intervenções multiprofissionais”, afirma a gerente do Serviço de Pronto-Atendimento da FCecon, enfermeira Kamila Sena.

 

Humanização

A implantação do atendimento psicológico na Urgência durante os horários de maior fluxo no setor (manhã e tarde) segue os princípios do Programa Nacional de Humanização (PNH), do Ministério da Saúde (MS). Na avaliação do diretor-presidente da FCecon, mastologista Gerson Mourão, o serviço oferecido vai de encontro com outras ações que a Fundação tem instituído.

 

“É um novo momento que estamos vivendo dentro da instituição. Assim como o projeto para pacientes indígenas, a implantação do serviço de Psicologia na Urgência veio para humanizar o atendimento aos pacientes que nos procuram fragilizados, com dores e em sofrimento. São iniciativas importantíssimas para que esses pacientes se sintam acolhidos e encorajados a dar continuidade ao tratamento”, avalia Mourão.

 

Atendimentos

Na FCecon, além dos pacientes, os acompanhantes recebem o apoio dos profissionais da Psicologia. É nos familiares que os pacientes encontram, na maioria das vezes, o apoio que necessitam para lidar com a doença e o tratamento.

 

“Muitas vezes, as pessoas estão precisando só desabafar, estão precisando de um colo. E nós ouvimos, fazemos a intervenção e orientamos. Então o serviço é voltado aos pacientes e também aos seus familiares”, diz Graciete Ribeiro.

 

Para ter acesso ao acompanhamento dos psicólogos da Fundação em consultas ambulatoriais, pacientes e acompanhantes recebem um encaminhamento dos profissionais de saúde que atuam na FCecon. Mas o familiar também pode solicitar pessoalmente o acompanhamento diretamente no próprio setor, que fica no Ambulatório da FCecon e funciona de segunda a sexta-feira.

Sobe Catracas

FRAN CANTO, empresário parintinense

Capacete de oxigenação, fabricado pela gráfica dele, para pacientes com dificuldade respiratória, foi aprovado por médicos, por eficácia e economia

Desce Catracas

ROMEIRO MENDONÇA, prefeito de Presidente Figueiredo

Teve mandato cassado pelo TSE para se afastar do cargo, com o vice Mário Abrahão, imediatamente