DeAmazônia

MENU
Atualizado em 15/02/2020

Mais de 1,1 mil professores do interior aprovados na Seduc serão convocados nesta segunda (17)

Secretaria começou a convocar aprovados no PSS nesta sexta-feira (14), com a chamada de 274 profissionais

Mais de 1,1 mil professores do interior aprovados na Seduc serão convocados nesta segunda (17) Secretaria de Educação convoca aprovados em processo seletivo do interior (Foto: Cleudilon Passarinho)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A Secretaria de Estado de Educação e Desporto iniciará a convocação dos profissionais aprovados no Processo Seletivo Simplificado (PSS) para atuação no interior do Amazonas, a partir de segunda-feira (17/02). Ao todo, 1.128 professores foram selecionados pelo certame, que visa a contratação temporária e emergencial de educadores para a rede estadual.

 

O cronograma completo de apresentação dos aprovados está disponível no site oficial da secretaria, por meio do link: https://bit.ly/2SqEyGQ. A homologação foi publicada no Diário Oficial do dia 11 de fevereiro.

 

Os profissionais deverão comparecer, nas datas e horários estipulados pela secretaria, às Coordenadorias Regionais de Educação (CDEs) do município para o qual foi selecionado. É fundamental que os professores respeitem o horário de apresentação determinado.

 

Ao todo, a pasta ofertou 2.868 vagas para educadores, na capital e no interior, e obteve 32.857 candidatos inscritos. Entre as modalidades ofertadas, as mais solicitadas pelos profissionais foram Ciclo e Mediação Tecnológica.

 

Primeira convocação

A secretaria deu início à convocação dos aprovados no PSS nesta sexta-feira (14/02), com a chamada de 274 profissionais selecionados para atuar nas modalidades de Educação Regular, Tecnológica e Especial, em Manaus.

Sobe Catracas

YANA GADELHA, lutadora de MMA

Vinda do balé clássico, com apenas 10 meses de treinos, amazonense foi eleita "Revelação do Ano", no prêmio Osvaldo Paquetá, considerado o Oscar do MMA

Desce Catracas

JOCIONE SOUZA, prefeito de Novo Aripuanã

Justiça mandou ele pagar gratificações à professores municipais, atrasadas desde os anos de 2011 e 2012