DeAmazônia

MENU
Atualizado em 15/02/2020

Santarém-Cuiabá ganha 51 km de pavimentação, entre Itaituba e Mato Grosso

Helder destaca os 51 quilômetros entre Vila Moraes de Almeida e Novo Progresso

Santarém-Cuiabá ganha 51 km de pavimentação, entre Itaituba e Mato Grosso O governador Helder Barbalho ressaltou a importância da inauguração do asfaltamento da rodovia para o Estado.

DEAMAZÔNIA SANTARÉM, PA - O governador Helder Barbalho destacou nesta sexta-feira (14) a pavimentação da BR-163 ( Santarém-Cuiabá), no trecho entre a cidade de Sinop (MT) até os portos de Miritituba, em Itaituba.

 

A entrega dos últimos quilômetros de pavimentação ocorreu nesta sexta (14) no Distrito de Cachoeira da Serra, em Altamira, com a presença do governador Helder Barbalho, do presidente da República Jair Bolsonaro, do Ministro da Infraestrutura Tarcísio Gomes de Freitas e demais autoridades.

 

A Santarém- Cuiabá, é fundamental para o agronegócio da região, sendo uma importante via de transporte de grãos, como soja e milho, do Estado do Mato Grosso até os portos do chamado Arco Norte, no Pará, para que os produtos sejam exportados aos principais consumidores do mundo.

 

Os 51 quilômetros entregues nesta sexta estão situados entre a Vila Moraes de Almeida e o município de Novo Progresso. Esse trecho por muito tempo gerou dor de cabeça aos 6 mil caminhoneiros que transitam diariamente na rodovia. Os atoleiros causados pelas chuvas, no local, anteriormente sem pavimentação, geravam imensas filas, atrasando por vários dias as viagens e a exportação dos grãos.

 

“ Hoje é um dia extremamente importante e histórico. O momento do fechamento de um ciclo de mais de 40 anos. Onde, a partir da lógica de integrar para não entregar, esperamos por décadas para que chegasse essa oportunidade de ver a conclusão da pavimentação. É claro, um estado de dimensões do Pará, tem desafios deste tamanho, mas também oportunidades extraordinárias. Oportunidade da produção rural, da sustentabilidade, da geração de energia, isso tudo faz desse Estado a síntese da Amazônia”, afirmou o governador.

 

Para a conclusão da obra foram investidos R$158 milhões, em 2019, envolvendo centenas de trabalhadores, entre servidores do DNIT, militares do Exército Brasileiro e funcionários de empresas contratadas, que além da pavimentação dos 51km, também realizaram serviços de manutenção em 1.300km da rodovia, de Sinop (MT) a Santarém.

 

Local Histórico

Um motivo especial marcou a escolha do local para a cerimônia de entrega da BR-163. O Km 102 é conhecido como “Marco Zero” da rodovia, onde se encontraram, em 1970, o 8º Batalhão de Engenharia e Construção do Exército, que tocou a obra a partir de Santarém (PA), e o 9º Batalhão, responsável pelo trecho a partir de Cuiabá (MT). Também foi nesse perímetro que, em 1976, o então presidente Ernesto Geisel inaugurou a rodovia.

Sobe Catracas

FRAN CANTO, empresário parintinense

Capacete de oxigenação, fabricado pela gráfica dele, para pacientes com dificuldade respiratória, foi aprovado por médicos, por eficácia e economia

Desce Catracas

ROMEIRO MENDONÇA, prefeito de Presidente Figueiredo

Teve mandato cassado pelo TSE para se afastar do cargo, com o vice Mário Abrahão, imediatamente