DeAmazônia

MENU
Atualizado em 14/02/2020

Embrapa Parintins anuncia curso para fortalecer produção de mudas e restaurar áreas degradadas

Pesquisadora da Embrapa Amazônia Ocidental, Elisa Wandelli irá coordenar as atividades do projeto; curso será de 2 a 13 de março

Embrapa Parintins anuncia curso para fortalecer produção de mudas e restaurar áreas degradadas

DEAMAZÔNIA PARINTINS, AM - Está confirmada para o período de 2 a 13 de março uma série de atividades do projeto “Fortalecimento da Cadeia Produtiva de Sementes e Mudas na Amazônia - + Sementes” sob a coordenação da pesquisadora da Embrapa Amazônia Ocidental, Elisa Wandelli. Na semana passada Wandelli esteve em Parintins no Núcleo de Apoio a Pesquisa e Transferência de Tecnologias do Baixo Amazonas (Embrapa Parintins) e junto com o coordenador local, Jeferson Macedo, realizou contatos com segmentos da área para confirmar parcerias na realização das atividades do projeto no início do mês  início de março.

 

Eliza Wandelli considerou bastante produtivos os contatos e fechou uma agenda com o apoio das Secretarias Municipais do Meio Ambiente, da Produção Rural, movimentos sociais, Teia de Educação Ambiental, Articulação Parintins Cidadã, grupos de agricultores, universidades e IFAM visando o fortalecimento da cadeia produtiva, os conhecimentos e saberes científicos e populares sobre produção de sementes e de mudas.

 

A primeira atividade do projeto será o Seminário “Restauração Florestal de áreas Degradadas”, na manhã do dia 9, com o objetivo de propiciar discussões e troca de experiências sobre metodologias de restauração florestal que cumpram a função social e ambiental da agricultura familiar.

 

Na tarde do mesmo dia inicia o Curso “Coleta de Sementes e Produção de Mudas de Espécies Nativas no Baixo Amazonas”, que se estende até o dia 13 e terá como ponto culminante a realização da “Feira de Troca de Sementes e Saberes de Espécies Nativas do Baixo Amazonas”. Antecedendo estas atividades, artesãs da Teia de Educação Ambiental e Interação em Agrofloresta vão orientar uma Oficina de Artesanato com Sementes de Espécies Nativas, no período de 02 á 06 de março, no auditório do Núcleo de Apoio a Pesquisa e Transferência de Tecnologias do Baixo Amazonas (Embrapa Parintins).

 

Curso

Como atividade principal do projeto, o Curso “Coleta de Sementes e Produção de Mudas de Espécies Nativas no Baixo Amazonas” ocupará a maior parte do tempo do projeto com atividades teóricas e práticas.

 

O objetivo é Socializar conhecimentos sobre produção de sementes e mudas de espécies nativas na região do Baixo Amazonas, no Estado do Amazonas com agentes multiplicadores visando o estímulo a restauração florestal e ao fortalecimento da arborização e da implantação de sistemas agroflorestais e o fortalecimento da cadeia de valores de sementes e mudas.

 

O curso é destinado a técnicos, coletores de sementes, viveiristas, integrantes de etnias indígenas, agricultores, profissionais e estudantes das áreas agrícolas, biológicas e florestais interessados em manejo de sementes e mudas, e terá a organização das pesquisadoras Elisa Vieira Wandelli (Embrapa Amazônia Ocidental) e Noemi Vianna Martins Leão (Embrapa Amazônia Oriental).

 

As inscrições para o curso e outras atividades do projeto já estão sendo feitas no Núcleo de Apoio a Pesquisa e Transferência de Tecnologias do Baixo Amazonas (Embrapa Parintins) na Rua Jonathas Pedrosa, em frente ao SAAE, no centro da cidade.

Sobe Catracas

EMÍLIA FERRAZ, delegada de Polícia

Nomeada delegada geral da Polícia Civil do Amazonas, pelo governador, se torna primeira mulher a ocupar o cargo no estado

Desce Catracas

JAMILSON CARVALHO, prefeito de Anori (AM)

Juíza proibiu três escolas de samba da cidade de homenagear o prefeito, no Carnaval 2020, por caracterizar promoção pessoal, em ano eleitoral