DeAmazônia

MENU
Atualizado em 12/02/2020

BBB 20: Tiago Leifert fala em 'linchamento virtual' e Bruna Marquezine vê indireta

Bruna Marquezine e Giovana Ewbank criticaram o fato do apresentador levar informações externas para a casa e interferir no jogo

BBB 20: Tiago Leifert fala em 'linchamento virtual' e Bruna Marquezine vê indireta Marquezine e Leifert (Foto: Reprodução/Instagram)

O apresentador do "Big Brother Brasil 20", Tiago Leifert usou o Instagram para se pronunciar sobre as críticas que vem sofrendo do público. Após a eliminação de Hadson na noite desta terça-feira, os internautas comentaram sobre a forma do apresentador conduzir o programa, e o assunto chegou a ficar entre os mais comentados do momento.

 

No twitter, as atrizes Bruna Marquezine e Giovana Ewbank também reclamaram. Numa publicação, Ewbank se queixou sobre as informações dadas por Leifer de fora da casa: "Tiago anda dando muita informação do mundo externo para o pessoal do BBB... Domingo, falou do jogo, agora, falou do Chumbo". Em seguida, Marquezine comentou: "Está me irritando".

No Instagram, Leifert publicou um texto comentando sobre os ataques que recebeu: "Vamos combinar uma coisa: Espancar, chutar uma pessoa caída é um ato errado e covarde no mundo real e no virtual. Quando pessoas erram, eu acredito no diálogo, arrependimento, perdão (...)"

 

RESPOSTA DE BRUNA

 

No Twitter, Marquezine respondeu ao texto: "Aquilo foi para mim? Não pratiquei linchamento on-line. Seria um tanto exagerado dizer isso. Existe uma grande diferença em fazer uma crítica ou discordar de algo dividindo sua opinião (quando cabível) e fazer comentários maldosos ou iniciar um linchamento virtual. Eu sei bem", escreveu.

 

"Eu tenho amigos que amam o Tiago e eu gosto dele por tabela. Não concordo com algumas falas dele no programa, mas não dá para saber o que é ele e o que vem da direção. Como telespectadora árdua, fico chateada às vezes, tipo quando ele falou que não era o Igor na casa de vidro (fiquei louca, achei que isso poderia machucar a Manu. Ainda bem que ela é muito segura) mas entendo que isso é uma tática para fazer com que as meninas se questionem e não confiem cegamente nas informações trazidas", acrescentou.

 

Bruna já havia criticado Tiago por ele dizer a Manu Gavassi, na segunda (10), que quem foi à Casa de Vidro pedi-la em namoro não foi Igor Carvalho, seu affair, mas "um cara x". "Eu amei como ela não se abalou com nada disso, nem com o comentário infeliz do Tiago dizendo que não era o Igor", escreveu Marquezine, nas redes sociais.

 

 

 

 

Leia a publicação de Leifert completa:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Vamos combinar uma coisa: Espancar, chutar uma pessoa caída é um ato errado e covarde no mundo real e no virtual. Quando pessoas erram, eu acredito no diálogo, arrependimento, perdão. Em casos mais graves, na Justiça. Isso não é ser condescendente, isso é tomar o caminho mais difícil (e hoje em dia super solitário): o certo. Não acredito que destruir a vida de uma pessoa com linchamento virtual resolva o problema original. Pelo contrário! Ao tentar resolver o problema espancando, você acaba criando outro, gerando ainda mais ódio e violência, ferindo, e provavelmente tirando o foco da solução. Linchamento virtual é tão errado quanto qualquer outra coisa, não faz de você uma pessoa melhor e não conserta o mundo. Quem lincha é herói? Ou vilão? Não adianta nada ficar de biquinho quando te atacam na internet e depois atacar os outros com seus milhões de seguidores quando vc discorda de alguma coisa. Não adianta nada salvar cachorros e gatos se para isso você destrói reputações e vidas humanas. Não adianta nada ficar falando de “empatia” a cada 3 posts se você não a pratica quando ela é mais necessária, porque ter empatia com quem a gente gosta é mole! Difícil é ter com quem tá errado. Eu jamais vou linchar uma pessoa e não sou Juiz do Mundo, não esperem isso de mim.

Uma publicação compartilhada por Tiago Leifert (@tiagoleifert) em

Sobe Catracas

EMÍLIA FERRAZ, delegada de Polícia

Nomeada delegada geral da Polícia Civil do Amazonas, pelo governador, se torna primeira mulher a ocupar o cargo no estado

Desce Catracas

VALMIR CLÍMACO, prefeito de Itaituba (PA)

Pela segunda vez, Justiça condenou ele a suspensão dos direitos políticos, agora, por desvio de funções de servidores