Sexta, 25 de setembro de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 11/02/2020

Lins expulsa Dermilson do PP, por fazer oposição ao governo do AM

Estatuto do PP diz que ‘o parlamentar que se opuser pela atitude ou voto será expulso’; VEJA DECISÃO

Lins expulsa Dermilson do PP, por fazer oposição ao governo do AM Dermilson Chagas, deputado estadual

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O deputado estadual, Dermilson Chagas, foi expulso do Partido Progressista na manhã desta terça-feira (11), em decisão da Comissão Executiva Provisória do partido presidida no Amazonas pelo deputado federal, Atila Lins.

 

O Progressista é partido da base do governo do Estado e Dermilson faz oposição a Wilson Lima, na Assembleia Legislativa do Estado.

 

A decisão está amparada no artigo 95, IV, inciso 3, do estatuto do partido. O inciso 3 diz o seguinte:“ Ocorre a expulsão, com o consequente cancelamento da filiação, nos casos de extrema gravidade, por inobservância aos princípios programáticos, infração grave as disposições de lei e do Estatuto e descumprimento das deliberações do Partido, bem como o parlamentar que se opuser, pela atitude ou pelo voto, as diretrizes legitimamente estabelecidas pelos órgãos partidários.”

 

“Estou sendo expulso por eu ser oposição ao governo do Amazonas na Assembleia Legislativa do Amazonas, por não concordar com os escândalos na educação, na saúde e na segurança pública. Ou seja, estou sendo expulso por atuar conforme a vontade da sociedade amazonense e não por mal comportamento”, afirmou o deputado.

 

De acordo com Chagas, já existe uma jurisprudência sobre o seu mandato de deputado estadual, portanto, não corre o risco de perdê-lo. Dermilson disse que continuará fazendo oposição ao governo “Continuarei denunciando as irregularidades e continuarei votando contra propostas maldosas do Governo do Amazonas”, completou.

 

O parlamentar disse ainda que não definiu ainda em que partido se filiará e  que aguardará o momento certo para tomar essa decisão.  

 

Contactado o deputado federal, Atila Lins, não se manifestou sobre a expulsão do parlamentar. 

 

Sobe Catracas

ALBERTO NASCIMENTO JÚNIOR, promotor de justiça

Foi nomeado pelo governador do Amazonas procurador-geral de Justiça do Estado para o biênio 2020/22

Desce Catracas

CHICO COSTA, ex-prefeito de Carauari

TCE-AM multou o ex-prefeito em R$134,6 mil por convênio irregular firmado com a Seduc em 2014