DeAmazônia

MENU
Atualizado em 05/02/2020

Depois da lambança, MEC planeja fim do Enem

Ministro da Educação, Abraham Weintraub, quer Exame Seriado nos três anos do ensino médio e já enviou proposta ao Inep

Depois da lambança, MEC planeja fim do Enem O ministro da Educação, Abraham Weintraub (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

DEAMAZÔNIA BRASÍLIA - Depois da grande lambança com o Exame Nacional do Ensino Médio, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, já planeja a viabilidade de acabar com as provas tradicionais do Enem, no final do ano letivo, e transformar o modelo em exame seriado.

 

Segundo a  reportagem do jornal O Globo desta quarta-feira (05), Weintraub quer substituir o Exame, que se aplica ao ingresso dos estudantes as universidades, por provas distribuídas nos três anos do ensino médio regular. “A ideia é começar a aplicação para alunos do 1° ano já em 2021 e ampliar de forma gradual”, informa o jornal.

 

O Ministro da Educação já encaminhou inclusive a proposta de mudança do Enem ao Inep ( Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira).

 

A reportagem diz ainda que "o cronograma inicialmente traçado prevê a incorporação das turmas de 2º ano em 2022 e as de 3º ano em 2023, quando todo o ciclo regular do ensino médio estaria sendo atendido. Escolas públicas e privadas passariam pelo exame seriado". 

 

"áreas técnicas do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) foram informadas da proposta para analisarem a viabilidade de sua implementação. As mudanças seriam feitas paralelamente aos planos de introduzir de forma gradual o Enem digital, anunciado no ano passado pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub”, diz trecho da reportagem, assinada por Renata Mariz.

 

Sobe Catracas

LUIZ PACHECO, presidente da Escola de Samba Aparecida

Escola de Samba Mocidade Independente de Aparecida foi campeã do Carnaval de Manaus 2020

Desce Catracas

JOSÉ LUIZ FELÍCIO FILHO, presidente da MAP/Passaredo

Map Passaredo Linhas Aéreas deixou o trecho Parintins-Manaus-Parintins sem voos durante os três dias do Carnaval