DeAmazônia

MENU
Atualizado em 14/01/2020

Moro no Roda Viva segunda (20) e internet pede The Intercept no programa

Blog diz que ministro cogita desistir da entrevista; #InterceptNoRodaViva liderou trending topics no Twitter.

Moro no Roda Viva segunda (20) e internet pede The Intercept no programa Ministro da Justiça, Sérgio Moro. Foto: JOSÉ CRUZ/AGÊNCIA BRASIL

POR JONAS SANTOS, da Redação 

 

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O ministro da Justiça, Sérgio Moro, aceitou o convite da TV Cultura, para ser o entrevistado do programa Roda Vida, da próxima segunda-feira (20). O ex juiz da Lava Jato será o primeiro entrevistado de 2020, sob o comando da jornalista Vera Magalhães, que estreia na atração.

 

No entanto, a sabatina de Moro, ainda nem foi ao ar, mas já bomba na web.

 

Na tarde de hoje (14/01), a internet pedia a participação de um jornalista do The Intercept Brasil, o site que revelou a troca de mensagens entre o ex-juiz e o procurador chefe da força tarefa da Lava Jato, Daltan Dallagnol, numa suposta manobra para prender o ex-presidente Lula.

 

A hashtag #InterceptNoRodaViva liderava os trending topics no Twitter.

 

A Revista Isto È, do grupo Globo, anotou que a web se agitou, logo após o jornalista Gleen Greenwald, um dos  fundadores do The Intercept, se manifestar, em seu perfil no Twitter, reivindicando do Roda Viva a participação do site como um dos entrevistadores de segunda-feira.

 

É que a cada edição do programa uma nova banca de jornalistas, de vários veículos de comunicação, é convidada para formular perguntas ao entrevistado.   

 

“Será indesculpável e um tanto covarde para o Roda Vida permitir que Sérgio Moro aparecesse sem colocar um jornalista da The Intercept Brasil no painel para participar da discussão”, escreveu Gleen.

 

MORO COGITA DESISTIR DA ENTREVISTA

Na noite desta terça-feira (14), o blog do Esmael Morais informa que o ministro Sérgio Moro, cogita desistir da participação no programa Roda Viva, na segunda, se algum jornalista do site The Intercept  Brasil estiver na bancada de entrevistadores.

 

Segundo o blog, ‘o ex juiz da Lava Jato já fez chegar o recado à direção da TV Cultura".

Sobe Catracas

DELISSA VIEIRALVES FERREIRA, promotora de Justiça

Ação Civil Pública, em conjunto com a promotora Nilda Silva, derrubou na Justiça decisão da Seduc de militarizar Escola Tiradentes, em Manaus

Desce Catracas

RAYLAN BARROSO, prefeito de Eirunepé

Foi cobrado pelo MPF para fazer processo seletivo, pagar funcionários indigenas e regularizar merenda escolar