DeAmazônia

MENU
Atualizado em 14/01/2020

Estadão diz que hotel das celebridades vai a leilão no dia 11 de fev por R$182 milhões

Jornal destaca que Hotel Tropical no AM, que já hospedou príncipe Charles, princesa Diana, Bill Clinton, Lula, FHC e Pelé, sucumbiu

Estadão diz que hotel das celebridades vai a leilão no dia 11 de fev por R$182 milhões O Hotel Tropical está fechado desde maio por causa de dívidas que ultrapassam os R$ 20 milhões - Foto: Divulgação

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O Hotel Tropical, o mais badalado e tradicional de Manaus, com 611 apartamentos vai a leilão no dia 11 de fevereiro com lance inicial no valor de R$ 182 milhões. O Tropical está fechado desde maio deste ano, por causa de dividas que somam R$ 20 milhões.

 

Nesta terça-feira (14/01) o Jornal Estadão, em matéria assinada pelo jornalista Bruno Tadeu, destacou a venda do luxuoso hotel, localizado às margens do Rio Negro, no Amazonas.

 

O jornal diz ainda que o leilão do suntuoso prédio tem futuro incerto. O primeiro pregão ocorreu em dezembro de 2019, mas ninguém arrematou. É que a empresa Nyata arrematou o bem, mas não cumpriu o lance de 5%, para fechar a compra.   

 

Estadão cita também que o resort das celebridades, inaugurado em pleno regime militar em 1976, contou com a presença na cerimônia, do presidente Ernesto Geisel. O Tropical foi construído pelo Grupo Varig, como um dos maiores complexos da América Latina.  

 

Dentre as tantas celebridades que o Tropical hotel hospedou estão o príncipe britânico Charles, a princesa Diana -, o ex-presidente americano Bill Clinton e os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva, Dilma e Temer e também o rei futebol, o Pelé.

 

Sobe Catracas

DELISSA VIEIRALVES FERREIRA, promotora de Justiça

Ação Civil Pública, em conjunto com a promotora Nilda Silva, derrubou na Justiça decisão da Seduc de militarizar Escola Tiradentes, em Manaus

Desce Catracas

RAYLAN BARROSO, prefeito de Eirunepé

Foi cobrado pelo MPF para fazer processo seletivo, pagar funcionários indigenas e regularizar merenda escolar