Segunda, 21 de setembro de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 10/12/2019

Avião militar desaparece no Chile com 38 pessoas a bordo

Avião sumiu do radar 1 hora após decolar da cidade de Punta Arenas, no Chile

Avião militar desaparece no Chile com 38 pessoas a bordo Avião militar desapareceu no Chile com 38 pessoas à bordo

Por RTP (emissora pública de televisão de Portugal) 

SANTIAGO - A Força Aérea do Chile anunciou hoje (10) ter perdido "o contato via rádio" com um avião militar C130 com 38 pessoas a bordo, que decolou de Punta Arenas, sul do país, para uma base na Antártica.

 

"Um avião C130 Hércules decolou da cidade de Punta Arenas para a base da Antártica Eduardo Frei Montalva", de acordo com um comunicado. O contato via rádio foi interrompido.
Ao todo, "38 pessoas, incluindo 17 tripulantes e 21 passageiros" estavam a bordo.

 

A Marinha chilena lançou uma operação de busca e resgate, tendo despachado aviões e navios para a região.

 

O avião, que decolou da base aérea de Chabunco, em Punta Arenas, a mais de três mil quilômetros ao sul de Santiago do Chile, tinha como missão prestar apoio logístico à base na Antártica.

 

O presidente do Chile, Sebastián Piñera, e os ministros do Interior e da Defesa, Gonzalo Blumel e Alberto Espina, foram para o posto de comando da base aérea de Cerrillos, na capital chilena, para monitorar os trabalhos.

 

"Consternados com o desaparecimento do avião Hércules da Força Aérea chilena, que viajava com 38 passageiros rumo à Antártida a partir de Punta Arenas (...) vamos monitorizar as operações de busca e o envio de equipas de resgate", escreveu Piñera na conta oficial da rede social Twitter.

 

Sobe Catracas

ORMY DA CONCEIÇÃO BENTES, desembargadora do AM

Magistrada foi eleita presidente do Tribunal Regional do Trabalho (TRT11), para biênio 2020/2022

Desce Catracas

CHICO COSTA, ex-prefeito de Carauari

TCE-AM multou o ex-prefeito em R$134,6 mil por convênio irregular firmado com a Seduc em 2014