DeAmazônia

MENU
Atualizado em 02/12/2019

Bebianno diz que perseguição a Folha cabe impeachment de Bolsonaro

Segundo o ex-ministro tudo o que Bolsonaro quer "é um pretexto para a adoção de medidas autoritárias"

Bebianno diz que perseguição a Folha cabe impeachment de Bolsonaro Gustavo Bebianno (Valter Campanato/Agência Brasil)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Gustavo Bebianno se filiou neste domingo (1º/12) ao PSDB e assumiu a presidência do diretório municipal do Rio de Janeiro. A cerimônia de filiação contou com a presença do governador tucano João Doria.  

 

De acordo com Bebianno, a democracia está em risco e tudo o que Bolsonaro quer "é um pretexto para a adoção de medidas autoritárias".  

Em entrevista ao UOL, o ex-secretário geral da Presidência da República, diz que como presidente do diretório municipal do PSDB no Rio de Janeiro, tem planos mais amplos, em escala nacional.

  

Bebianno considera um "ato de retrocesso, um absurdo" a perseguição ao jornal Folha de S.Paulo, um fato grave que "abre uma porta até para um pedido de impeachment do presidente, uma vez que ele afronta a liberdade de imprensa defendida pela Constituição".

Sobe Catracas

RUI MACHADO, artista plástico

Recebeu comenda da Ordem do Mérito Legislativo da Aleam, em reconhecimento por trabalho com coisas da Amazônia

Desce Catracas

RONALDO TABOSA, vereador de Manaus

Pela quarta vez, teve mandato cassado pelo TRE/AM, dessa vez, por infidelidade partidária com o PP