DeAmazônia

MENU
Atualizado em 26/11/2019

Romeiro perde o cargo e TRE/AM convoca novas eleições em Figueiredo

Presidente da Câmara, Jonas Castro, assumirá o cargo de prefeito interino; VEJA A VOTAÇÃO NO TRE

Romeiro perde o cargo e TRE/AM convoca novas eleições em Figueiredo O vice Mário Abrahão e o prefeito Romeiro Mendonça

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Por 5 votos a 1, o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas manteve a cassação dos mandatos do prefeito Romeiro Mendonça e do vice Mário Abrahão, ambos do PDT, e convocou novas eleições em Presidente Figueiredo ( na região metropolitana de Manaus). A cassação ocorreu em setembro. 

 

Desse modo, prefeito e vice deixam os cargos e assumirá como prefeito interino, o presidente da Câmara Municipal, Jonas Castro (PSB). 

 

A decisão saiu em reunião do Pleno desta terça-feira (26/11), depois de vários adiamentos do julgamento, da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije). A ação foi ingressada pelo PT do B e teve como advogado da causa Adalberto Teixeira Bitar.

 

Jonas Castro assumirá a Prefeitura tão logo o acordão seja publicado. O acordão será publicado de acordo com a pauta de publicação do TRE. O advogado Adalberto Bitar disse ao Portal DeAMAZÔNIA que vai pedir urgência na públicação do acórdão. 

 

Ainda cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral, mas o pedido poderá ser feito com o prefeito e o vice fora dos cargos.

VOTAÇÃO NO TRE/AM

Sobe Catracas

RUI MACHADO, artista plástico

Recebeu comenda da Ordem do Mérito Legislativo da Aleam, em reconhecimento por trabalho com coisas da Amazônia

Desce Catracas

RONALDO TABOSA, vereador de Manaus

Pela quarta vez, teve mandato cassado pelo TRE/AM, dessa vez, por infidelidade partidária com o PP