Terça, 07 de julho de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 25/11/2019

Jaraqui é reconhecido como Patrimônio Imaterial de Manaus

Lei foi sancionada pelo prefeito Arthur Neto e publicada nesta quinta (21) no Diário Oficial do Município

Jaraqui é reconhecido como Patrimônio Imaterial de Manaus Jaraqui é peixe tradicional do AM (Foto: Reprodução)

O jaraqui - peixe tradicional da culinária amazonense - foi reconhecido como Patrimônio Imaterial de Manaus. A elevação aconteceu por meio de uma lei divulgada no Diário Oficial do Município (DOM) na quinta-feira (21).

 

A Lei nº 2.540 foi sancionada pelo prefeito da capital, Arthur Neto. O texto prevê, em parágrafo único, a preservação cultural da lei "como legado para as futuras gerações".

 

O jaraqui é amplamente consumido em todo o Amazonas e é responsável, inclusive, por um ditado popular local: "Quem come jaraqui, não sai mais daqui". A frase faz referência às pessoas oriundas de outros estados e países que visitam Manaus e decidem residir na cidade.

Sobe Catracas

WILSON JÚNIOR, bailarino e coreógrafo

Amazonense leva para o Brasil a cultura do estado com projeto de oficinas de danças afro-americanas e boi-bumbá

Desce Catracas

IVON RATES, prefeito de Envira

Prefeito foi multado pelo TCE/AM por não prestar contas de recursos referente a contrato com a Seinfra para asfaltar estradas