DeAmazônia

MENU
Atualizado em 16/09/2016

Funcionários da Prefeitura de Parintins estariam sendo coagidos a votar em Márcia Baranda

Funcionários da Prefeitura de Parintins estariam sendo coagidos a votar em Márcia Baranda Alexandre da Carbrás

DEAMAZÔNIA PARINTINS, AM - Publicamente o prefeito de Parintins, Alexandre da Carbrás (PSD) não apoia nenhum candidato a prefeito, mas nos bastidores ele escancarou as postas da prefeitura em adesão à campanha da candidata a prefeita pelo PMDB, Márcia Baranda. Em Parintins, secretários municipais estão coagindo funcionários a votar na empresária, revelaram fontes.

 

O secretário de Obras, Luciano Saraiva reuniu há poucas semanas com o funcionários do mercado e teria feito duras recomendações a eles pelo voto a empresária.

 

Na quarta-feira (14), idosos que participam do programa da Melhor Idade, do Bairro São Benedito, foram, como de costume, no clube Mangueirão para as atividades de ginástica e chegando lá se depararam com uma reunião organizada por representantes da prefeitura com a presença de Márcia. A reunião era com a participação deles, relataram dois integrantes do programa ao portal de Amazônia.   

 

Pior é na secretária de Saúde onde as pressões seriam mais incisivas e que partem diretamente do comando da pasta.

 

Na Prefeitura, Alexandre da Carbrás comanda com mão de ferro seus secretários e qualquer ação ou medida só ocorre se a ordem partir diretamente dele.

 

Os principais candidatos a vereador aliados do prefeito fazem campanha direta para Márcia Baranda. Ontem, na sessão da Câmara, o irmão de Márcia, o vereador Ray Cardoso Cabeça fez vários comentários elogiosos a gestão de Carbrás.

 

Essa movimentação na Prefeitura causa estranhesa. Alexandre é aliado do senador Omar Aziz, enquanto que Márcia é apoiada pelo senador Eduardo Braga.

DEAMAZÔNIA.COM.BR

[email protected]

92 99229 8831 WhatsApp

Tags:

Sobe Catracas

ENNIO CANDOTTI, diretor do Museu da Amazônia (Musa)

Professor receberá nesta quarta (21), na Aleam, o Título de Cidadão do Amazonas

Desce Catracas

WLADMIR COSTA, ex-deputado federal

MPF pede cancelamento da concessão de rádio, ligada à ele, acusada de promover o ex-deputado com transmissão irregular de comícios