DeAmazônia

MENU
Atualizado em 12/11/2019

Estudante de Direito furta colegas em universidade e é preso após pular do 2º andar

Rafael Gomes tentou fugir pela janela, após furtar notebooks, mas fraturou os dois tornozelos e foi capturado, em Manaus

Estudante de Direito furta colegas em universidade e é preso após pular do 2º andar Polícia Civil prende estudante de Direito por furtar alunos em um Centro Universitário, no bairro Flores (Foto: Divulgação/ PC-AM)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O estudante do curso de Direito, Rafael Gomes da Silva, de 25 anos, foi preso, na manhã desta segunda-feira (11/11), acusado de furtar dois notebooks e documentos pessoais de alunos de um Centro Universitário, situado no bairro Flores, zona centro-sul de Manaus. O aluno foi preso quando tentava pular as janelas do 2º andar, e quebrar os dois tornozelos.

 

De acordo com a equipe de investigação do 23º Distrito Integrado de Polícia Civil (DIP), sob comando do delegado Henrique Brasil, titular da unidade policial, o crime ocorreu por volta de 7h20, horário de intervalo, em uma das salas de aula da unidade educacional.

 

Segundo o delegado, a equipe policial foi acionada pela direção do Centro Universitário, após Rafael furtar os objetos de dois acadêmicos de Direito do turno matutino. Na ocasião, as vítimas, um homem de 43 anos e outro de 47 anos, deixaram os computadores portáteis dentro das mochilas deles, na sala de aula, enquanto iam para a cantina do lugar.

 

“Como Rafael já estudava no Centro Universitário no turno da noite, ele tinha livre acesso ao lugar. Na ocasião do delito, ele estava pela manhã observando as vítimas com os respectivos aparelhos eletrônicos e, ao ver que os homens iriam sair da sala, Rafael entrou e furtou os notebooks. Porém, uma das vítimas percebeu o comportamento estranho do infrator e viu que ele estava com um volume na camisa, imediatamente a vítima falou para um segurança do local, momento em que o individuo foi para o banheiro e escondeu os objetos furtados”, explicou o titular do 23º DIP.

 

Ainda segundo o delegado Henrique Brasil, os policias civis identificaram os furtos por meio do sistema de segurança do lugar. Conforme a autoridade policial, uma mulher que trabalha como serviços gerais do Centro Universitário, localizou os objetos furtados dentro de um cesto de lixo.

 

“Rafael tentou fugir do local pulando do segundo andar, entretanto, acabou fraturando os dois tornozelos, foi quando conseguimos prendê-lo. Ele foi levado a uma unidade hospitalar para os atendimentos médicos,” relatou Brasil.

 

Flagrante

O homem foi autuado em flagrante por furto. Na unidade policial foi arbitrada uma fiança no valor de R$ 2 mil.

 

Conforme o delegado, caso a fiança não seja paga pelo estudante, ele será encaminhado à audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul de Manaus.

Sobe Catracas

ARTHUR NETO, prefeito de Manaus

Contas da Prefeitura de Manaus referentes ao ano de 2018 foram aprovadas pelo TCE/AM 

Desce Catracas

ARTUR BRITO, prefeito de Tucuruí (PA)

Documentos da Prefeitura foram apreendidos em operação do MPPA que investiga fraude na prestação de serviços médicos no município