Sexta, 29 de maio de 2020

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 08/11/2019

Aeroporto de Manaus é eleito o melhor da Região Norte

Dado é da Secretaria de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura; veja pesquisa

Aeroporto de Manaus é eleito o melhor da Região Norte Aeroporto de Manaus é eleito o melhor da Região Norte (Foto: Divulgação/Infraero)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus (AM), foi eleito o melhor da Região Norte na categoria até cinco milhões de passageiros por ano. O dado é da Pesquisa de Satisfação do Passageiro e Desempenho Aeroportuário do terceiro trimestre deste ano, realizada pela Secretaria de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura.  (Clique aqui para acessar a pesquisa completa.)

 

De acordo com o levantamento, que avalia os 20 aeroportos mais movimentados do país, o Aeroporto de Manaus recebeu notas superiores à meta de qualidade do Governo Federal (4,0), em 76% dos 38 indicadores analisados. Com isso, o aeroporto alcançou média de satisfação geral de 4,53.   

 

Ainda na comparação com os demais aeroportos do Norte, o terminal amazonense ficou em primeiro lugar nos quesitos:  disponibilidade de vagas no estacionamento de veículos (4,64) e cordialidade dos funcionários da emigração (4,80). Outros itens bem avaliados foram tempo de fila da aduana (4,88) e cordialidade do funcionário da aduana (4,94).

  

Com capacidade para receber 18,2 milhões de passageiros por ano, o terminal movimenta, diariamente, cerca de 8 mil passageiros. Atualmente, oito companhias aéreas operam no terminal - Latam, Gol, Azul, Map e Total Linhas Aéreas; American, Avior e Copa Air Lines – que ligam Manaus a 11 destinos nacionais e a quatro internacionais: Miami, Barcelona, Buenos Aires e Panamá.

Sobe Catracas

PAULO BARRUDADA, empresário

Fez parceria com a Hemopa, oferecendo diárias grátis em hotel, a doadores de sangue de Santarém, visando incentivar aumento de bolsas

Desce Catracas

BETO D'ÂNGELO, prefeito de Manacapuru

Afrouxou em medidas restritivas e não decretou lockdown, mesmo cidade tendo mais de 2 mil casos de covid-19 e 84 mortes.